B787-9 Dreamliner, viagem de 11 horas e 55 minutos entre Heathrow e Guarulhos

A companhia aérea inglesa Virgin Atlantic marcou para 2020 seu primeiro pouso regular na América do Sul com um voo diário entre Londres (aeroporto de Heathwor) e São Paulo (Guarulhos), cuja duração será de 11 horas e 55 minutos. Os voos serão operados com o Boeing 787-9 e terão três opções de cabine: Upper Class (31 lugares), Premium Economy (35) e Economy (192), a última é dividida em Delight, Classic e Light. As passagens começarão a ser vendidas nos próximos meses.

Juha Jarvinen, vice-presidente executivo da Virgin Atlantic para a área comercial, diz que o novo serviço pretende capitalizar a crescente economia brasileira, que se beneficia da demanda transatlântica durante todo o ano. São Paulo é a capital comercial do Brasil e uma das 20 principais economias do mundo; é a cidade com maior presença de multinacionais nas Américas (depois de Nova York) e fornece uma plataforma para a Virgin Atlantic ampliar sua oferta para clientes corporativos. Mas o foco da companhia também será o turista.

A Virgin Atlantic receberá ainda em 2019 as primeiras quatro aeronaves Airbus A350-1000 de um total de 12 encomendadas, que vão redefinir a experiência de bordo e transformar a frota da companhia em uma das mais silenciosas e eficientes dos céus.