Ilha Gorriti: a 15 minutos de barco de Punta del Este

Vizinha de Punta del Este, o badalado balneário localizado no departamento de Maldonado, no Uruguai, a ilha Gorriti, no rio da Prata, é uma atração especial para quem vai àquele que é um dos mais luxuosos points da América do Sul. São 21 hectares que incluem belas praias e uma exuberante floresta de pinheiros, eucaliptos e tamarizes (pequenos arbustos africanos).
Para chegar à Gorriti há barcos que partem de Punta a cada meia hora e o trajeto leva apenas 15 minutos. Um dos destaques do lugar é a Playa Honda, com infraestrutura de lazer durante o dia; outro é Puerto Jardin, onde aportam veleiros e iates e é ideal para a prática de esportes náuticos.
Além das suas belezas naturais, a ilha é protagonista de grandes histórias, com presença frequente de piratas. Em tempos idos, foi uma prisão, e teve um cemitério chamado “de los ingleses”. Desde o começo foi usada como local de enterro de marinheiros.
Com a chegada da Companhia Marítima Imperial, vieram trabalhadores religiosos anglicanos, tornando-se o cemitério oficial dos não católicos, aqueles que não podiam ser enterrados nas necrópoles públicas. Devido a um conflito diplomático em 1892 com os EUA os túmulos foram levados ao cemitério de Maldonado.
A primeira referência escrita sobre a ilha data de 1516 e figura no diário de viagem de Juan Díaz Solís. O primeiro nome do lugar – Isla de Las Palmas – referia-se as palmeiras ali existentes. Em 1771 ganhou a designação atual, homenagem ao capitão espanhol Francisco Gorriti, ali preso durante um ano por questões políticas.
Gorriti é Patrimônio Histórico Nacional e para a temporada de 2018 o Ministério de Turismo e o departamento de Maldonado implantaram 30 outdoors que informam sobre a geografia, história e flora existente. (Com informações de Fernanda Bertin/Arabella Comunicação).