Paraplégico após uma queda durante um exercício de acrobacia em 2004, o ator e bailarino Luciano Mallmann estreia como autor teatral na peça Ícaro, presente na Mostra 2019 do Festival de Curitiba. Ele vive seis histórias, todas depoimentos ficcionais de cadeirantes. O espetáculo nasceu da experiência do próprio artista gaúcho e de depoimentos de pessoas que tiveram lesões medulares que ele conheceu depois que passou a usar cadeira de rodas.
Ao longo de 70 minutos, Luciano Mallmann dialoga com o público preconceito, resiliência, relações familiares e amorosas, suicídio, maternidade e gravidez. Surgem, em cena, a modelo, o lutador, a mãe, o ator e o acrobata. A direção é de Liane Venturella, valorizando a interpretação e propondo movimentos precisos de corpo durante as cenas. Confira: sábado 6, às 21h,e domingo, às 19h no Sesc da Esquina.