As universidades estaduais de Londrina (UEL), Maringá (UEM) e Ponta Grossa (UEPG) comemoram nesta quarta-feira, 6 de novembro, 50 anos de existência. O trabalho de professores, estudantes e agentes universitários ajudaram a classificar as três instituições como referência no Brasil e no exterior, em ensino, pesquisa e extensão.

A UEL, UEM e UEPG foram criadas em 6 de novembro de 1969 pela Lei Estadual nº 6.034, sancionada pelo então governador Paulo Pimentel. As instituições nasceram da incorporação de faculdades estaduais que já existiam e que funcionavam isoladamente.

Mesmo sendo consideradas instituições jovens, as três universidades são referência na formação de profissionais e desenvolvimento de pesquisas. Além disso, ofertam diversos serviços aos municípios paranaenses, contribuindo para o desenvolvimento regional e melhoria da qualidade de vida.

Com cerca de 90% dos professores com títulos de mestre ou doutor, as universidades mantêm um bom desempenho em diversos processos de avaliação, nacionais e internacionais.

Em uma das avaliações mais importantes aplicadas pelo Ministério da Educação, as três universidades ganharam destaque em 19 cursos no ano de 2019. O Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) avalia o rendimento dos alunos dos cursos de graduação (ingressantes e concluintes), e é fundamental para elencar quais são as melhores instituições de ensino superior do país.