Nada adianta criar rede de Internet via wi-fi, em praça pública no Nordeste. Tecnologia, antes, tem de resolver o problema da seca nordestina. O homem em primeiro lugar.

Promoção Smart City 2019

Não adianta pensar em cidades com rede de internet via wi-fi, em praças públicas, no sertão nordestino. É preciso pensar em tecnologias para resolver o problema da seca. Esse é um dos exemplos do pesquisador e palestrante da Smart City Curitiba 2019, Caio Esteves.

SER HUMANO NO CENTRO

“É impossível pensar a tecnologia sem ter o ser humano como foco. Se a tecnologia não transforma a vida das pessoas, ela não terá servido de nada. É preciso identificar as necessidades da comunidade de uma cidade e usar a tecnologia em prol dessas demandas”, afirmou, Caio Esteves.

MOBILIDADE

Ele defende que as cidades insiram o ser humano em primeiro lugar para fazer uso da tecnologia a favor daqueles que as habitam. Questões sobre mobilidade, biodiversidade e bem-estar social são alguns dos pontos que devem ser tratados com prioridade quando se fala em “cidades inteligentes”.

ATENTO AO BEM- ESTAR

Segundo o também pesquisador em smart cities, Yuri Lima, é fundamental transformar os espaços urbanos a partir do engajamento da população.

John G. Jung, do Intelligent Community Fórum, do Canadá

“Esse ecossistema de inovação tem que estar atento ao bem-estar das pessoas e manter nos cidadãos essa sensação de pertencimento”, salienta.

Afinal, de nada adianta avançarmos tecnologicamente se essas inovações não fazem parte do cotidiano das pessoas.

INTELLIGENT COMMUNITY

John G. Jung, cofundador do Intelligent Community Forum Canadá (ICF) e criador do conceito de Comunidades Inteligentes compartilha desta premissa. Cidades inteligentes precisam ter eficiência, infraestrutura, banda larga e dados. Mas e as pessoas? Como elas estão utilizando essas coisas? Devemos lembrar das mães solteiras, dos idosos, de toda as comunidades. Essas pessoas têm ideias, nenhuma ideia é menor. Precisamos fazer com que todos participem para que as pessoas estejam no centro da discussão. Isso é ser uma cidade inteligente”, enfatiza.

(*** observações repassadas por Diego Antonelli, a propósito do evento Smart City realizado em Curitiba, que ele acompanhou, em parte).

 


Lipski e Borges da Silveira no BRDE

Wilson Lipski e Borges da Silveira no BRDE

O governador Ratinho Junior escolheu o economista Wilson Bley Lipski e o Ex-Ministro da Saúde e ex-deputado federal Luiz Carlos Borges da Silveira para ocuparem diretorias do Banco Regional de Desenvolvimento Econômico (BRDE-Paraná). Lipski será diretor-presidente do Estado, o que o fará um dia, no sistema de rodízio entre os demais estados, presidente nacional do banco.

Borges da Silveira foi ministro de Sarney, deputado federal, secretário de estado do Tocantins e educador.

Os dois são lapeanos e a escolha pode ser até vista como homenagem ao Paraná tradicional.

Os nomes de Lipski e Borges já passaram e foram aprovados pelo Banco Central.


Paraná tem dia estadual contra discriminação racial

Governador e o secretário da Justiça, Família e Trabalho (Sejuf), Ney Leprevost, sancionaram a lei que institui o Dia Estadual de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial.

O Paraná conta com mais um dia para lembrar e incentivar ações de combate ao racismo. Nesta quinta-feira (21), o governador Carlos Massa Ratinho Junior e o secretário da Justiça, Família e Trabalho (Sejuf), Ney Leprevost, sancionaram a lei que institui o Dia Estadual de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial. Na cerimônia, realizada no Palácio Iguaçu, em Curitiba, o governador afirmou que a nova lei prevê ações para as pessoas refletirem sobre um tema importante e urgente para sociedade.

21 DE MARÇO

A Lei define que a data será celebrada anualmente em 21 de março, com campanhas e ações educativas realizadas pelos poderes Executivo e Legislativo. “O Paraná já é referência em tantas áreas, como agronegócio, geração de empregos e inovação. Queremos também ser referência em relacionamento humano, conviver como iguais, independe da cor, raça, religião ou posição política e social”, disse ele.

QUATRO CANTOS

A lei foi proposta pelo deputado estadual Anibelli Neto. De acordo com o parlamentar, essa parceria entre os poderes Executivo e Legislativo é essencial para o combate ao preconceito. “Somos poderes independentes, mas que unidos têm muito mais força. Agora, com a sanção desta lei pelo governador, tenho a convicção de que vamos levar as ações aos quatro cantos no Estado do Paraná”, disse.

ASSASSINATOS

A secretária nacional de Políticas de Promoção e Igualdade Racial, Sandra Terena, disse que a iniciativa do governo é extremamente importante e significativa, pois no Brasil 54% da população é negra e a cada 23 minutos um negro é assassinado no país. “Portanto, essa ação vai dar ainda mais visibilidade ao tema e colaborar com o enfrentamento do racismo”, afirmou.

LUTA NA ONU

A Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu o 21 de março como Dia Internacional da Luta pela Eliminação do Preconceito Racial. A data foi escolhida em referência ao massacre que ocorreu no bairro Sharpeville, em Joanesburgo, na África do Sul, no 21 de março de 1960, quando 69 pessoas morreram e 180 ficaram feridas durante um protesto contra as leis apartheid.

PRESENÇAS

Também participaram da cerimônia o líder do governo na Assembleia, Hussein Bakri; o coordenador da área de Direitos Humanos do Ministério Público do Paraná, Olympio de Sá Sotto Maior Neto, além de membros da comunidade negra do Paraná.

A assinatura do governador.
A assinatura do secretário Leprevost.

Parlamentares do MBL são recebidos por Geara na ACP

Deputado estadual Homero Marchese, do Paraná; Vereador Fernando Holiday, de São Paulo; Deputado federal Kim Kataguiri

A Associação Comercial do Paraná, através do presidente Gláucio Geara, recebe nesta sexta-feira (22/03), às 19 horas, na sede da instituição um grupo de parlamentares do Movimento Brasil Livre (MBL). Eles participarão do 3º Congresso Estadual do Movimento Brasil, que acontece no sábado, dia 23, no Pequeno Auditório do Teatro Positivo, em Curitiba.

O presidente Gláucio Geara receberá Renan Santos – Coordenador Nacional do MBL; Deputado Estadual por São Paulo, Arthur do Val; Vereador por São Paulo- Fernando Holiday; Deputado Federal por São Paulo, Kim Kataguiri e os deputados paranaenses Paulo Martins (federal) e Homero Marchese (estadual).

O Movimento Brasil Livre (MBL) é um movimento político brasileiro que defende o liberalismo econômico e o republicanismo. Em seu manifesto cita cinco objetivos: “imprensa livre e independente, liberdade econômica, separação de poderes, eleições livres e idôneas e fim de subsídios diretos e indiretos para ditaduras”.


PUBLICIDADE & MARKETING:

Vendedor enrolador volta pela terceira vez

Alexandre Catarino: diretor de Criação da OpusMúltipla

Com o sucesso alcançado nos dois últimos anos, a Unimed Londrina decidiu trazer novamente o vendedor do plano errado para os seus comerciais. Desta vez, porém, o personagem precisa se esforçar mais para ser ouvido pelos potenciais clientes.

NA ROTINA

“Nesta nova temporada da campanha, o vendedor enrolador não vai ser recebido por ninguém. Ele vai se infiltrar na rotina das pessoas para tentar vender o plano dele”, explica Alexandre Catarino, Diretor de Criação da OpusMúltipla, empresa do Grupo OM Marketing & Comunicação.

QUATRO FILMES

A campanha terá 4 filmes, sendo 3 deles voltados ao público Pessoa Jurídica, e 1 para Pessoa Física. O primeiro já está no ar, e pode ser conferido no seguinte link: https://youtu.be/uVN7DyS_xow.

Além dos filmes, a campanha da Unimed Londrina deste ano também conta com uma ação especial em mídia exterior, com painéis de maior impacto que usam diferentes apliques, abordando de diversas formas o conceito de plano mais completo.

Cena do filme

Arns quer inclusão de remédios no Imposto de Renda

Inegável que o senador Flávio Arns está marcando muito fortemente seus primeiros dias nesse novo mandato no Senado. Agora, por exemplo, apresentou o Projeto de Lei (PL 1611 de 2019) que determina a inclusão de gastos com medicamentos na declaração do Imposto de Renda de Pessoa Física.

QUALQUER COMPRA

A legislação atual prevê a dedução de gastos com médicos, dentistas, psicólogos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, exames laboratoriais e serviços radiológicos.

A proposta apresentada pelo senador paranaense define que qualquer despesa na compra de medicamentos prescritos por profissional médico deve ser declarada.

Segundo Arns, a medida é uma forma de atenuar a falta de atualização da tabela do IRPF, que tem elevado a cada ano os gastos dos contribuintes com o IRPF.


Serra Verde ganha Selo Ouro de Turismo do Sebrae-PR

A empresa Serra Verde, de Curitiba – de Adonai Arruda – foi distinguida com o prêmio Selo de Ouro de Qualidade no Turismo, concedido pelo Sebrae-PR.

Adonai Arruda: dirigente da Serra Verde

Resultado de programa que consiste em análise, diagnóstico e consultoria para boas práticas e busca de excelência nas empresas ligadas ao segmento turístico, o processo para obtenção do Selo submete os estabelecimentos a diversas avaliações, incluindo visita de cliente oculto, e os resultados são validados pelo Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar).

O ciclo do processo é anual e o Selo é válido para o período subsequente, ou seja, de março de 2018 a abril de 2019. Em cada ano o processo se repete e o empresariado, para manter a distinção, precisa cumprir o roteiro completo e passar por novas avaliações.

COMITÊ GESTOR

O Comitê Gestor é formado por representantes das seguintes instituições: Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV- PR), Associação Brasileira de Empresas Organizadoras de Eventos (ABEOC-PR), Associação Brasileira de Indústria de Hotéis (ABIH-PR), Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (ABRASEL- PR) Sistema Fecomércio PR – Sesc / Senac, Paraná Conventions, Paraná Turismo e Sebrae-PR.

Trem da Serra Verde linha Curitiba-Morretes, na Estação Rodoferroviária de Curitiba.

DOS LEITORES (1)

Sobre o Instituto de Medicina e Cirurgia

IMCP

Durante mais de 10 anos, minha mãe, a Dona Waly, trabalhou neste hospital – antes de ir para Nova York – atendendo inclusive a Flora Gilda Wolokita, esposa do Sale Wolokita quando deu a Luz a filha mais nova, Simone Wolokita, e também os netos de Nhô Belarmino e Nhá Gabriela, que nasceram neste hospital. Muitas vezes a vi chegar em casa, após um plantão noturno, chorando por ter perdido uma criança no hospital. Nunca se conformou com crianças morrendo. Não conseguiu acostumar (com as mortes), mesmo tendo atravessado toda uma 2ª Guerra Mundial na Alemanha!

WASYL STUPARYK, Curitiba


DOS LEITORES (2)

Ainda a equipe do prefeito Waldomiro

Caro jornalista,

Lucas Navarro de Souza: o mais cotado da equipe

Sobre suas considerações em torno da equipe montada pelo prefeito Rafael Waldomiro Greca de Macedo para reeleição, nada terá de novo além do Gionedis agora mais comprometido do que nunca, além do recém-chegado ao ‘clero’, o preferido Lucas Navarro.

O resto como você mencionou, inclui o Felipe Pershot, Fernando Corgrossi, Fabiano Machado, Guilherme, e também os seus fotógrafos com o drone, que deixa o prefeito inebriado…

Além, claro, do Chico do Uberaba e seu filho (que aliás segundo dizem tem o melhor emprego entre todos os comissionados na Agência de Fomento de Curitiba) e outros como Cristiano Ferreira Candido. Todos, enfim todos assíduos participantes das noites da Chácara de São Rafael das Laranjeiras…

Mas não sei se farão tanta diferença (nas eleições) com suas muitas #disso e #daquilo; tudo está batido demais, povo está cansado das falas de afago do ego prefeitural…

S.G., Curitiba


ATUALIDADES:

Rússia planeja estátua gigante de Jesus em local antes reservado para Lenin

Projeto da estátua

O projeto aguarda a aprovação da Igreja Ortodoxa Russa antes que iniciem as obras

J.P. Mauro | Aleteia

A cidade de Vladivostok, a maior cidade do extremo oriente da Rússia, quer de construir uma enorme estátua de Jesus Cristo no topo de uma colina anteriormente reservada para um monumento ao líder comunista soviético Vladimir Lenin.

Embora a construção ainda não tenha sido autorizada pela Igreja Ortodoxa Russa, a perspectiva de uma grande estátua de Cristo com vista para o Oceano Pacífico deixou muitos fiéis russos empolgados.

PROJETO DESCARTADO

Em 1972, as autoridades soviéticas ordenaram a construção de uma grande estátua de Lenin para ser colocada no local. Dificuldades com o planejamento, no entanto, fizeram com que os projetos fossem adiados repetidas vezes até serem finalmente descartados por volta de 1990.

Os desenhos da estátua de Cristo – publicados pelos meios de comunicação russos – mostram que ela terá cerca de 40 metros de altura, medida equivalente ao Cristo Redentor do Rio de Janeiro.

O INSPIRADOR

Em entrevista à emissora russa Govorit Moskva, Gennady Tsurkov, chefe do centro de Vyatsky Posad, disse que a estátua foi inspirada por Iliy, um monge influente que é o conselheiro espiritual do Patriarca Kirill, chefe da Igreja Ortodoxa Russa.

“Ele realmente quer colocar uma estátua de Jesus Cristo como protetor de nossa Rússia a partir do leste”, disse Tsurkov. “Ele diz: ‘precisamos fazer mais alta (do que a estátua no Rio)’”.

INVESTIDORES

Turkov explicou que a maior parte do financiamento do projeto viria de investidores privados, mas o custo total ainda precisa ser avaliado.

Oleg Kozhemyako, governador regional que preside Vladivostok, acrescentou que uma capela de tamanho modesto, que pode acomodar até 30 fiéis, está planejada para ser construída a uma curta distância do monumento.

Muitos têm questionado se o dinheiro não seria melhor gasto na infraestrutura do Estado. No entanto, como os fundos virão de fontes privadas, os investimentos não implicariam despesas públicas.

O site de Vyatsky Posad descreveu o monumento como um “símbolo da unidade do povo russo” que “abençoaria” os navios que saem e chegam à cidade portuária.


AÇÕES DE GOVERNO

Começa a seleção de policiais que vão atuar nas escolas estaduais

O Governo do Paraná está selecionando policiais militares da reserva que vão participar da primeira etapa do programa Escola Segura. (Foto: Geraldo Bubniak/ANPr)

Londrina, Foz do Iguaçu e, na sequência, municípios da Região Metropolitana de Curitiba, vão participar do piloto do programa Escola Segura.

O Governo do Paraná iniciou o processo de seleção de policiais militares da reserva que vão participar da primeira etapa do programa Escola Segura. Lançado pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior na última semana, o programa é uma parceria entre as secretarias da Educação e da Segurança Pública e prevê a presença de policiais nas escolas estaduais, além de outras ações de prevenção para reforçar a proteção de alunos, pais e funcionários.

Os interessados têm até o dia 30 de março para fazer a inscrição. Os primeiros municípios a receberem o Escola Segura serão Londrina e Foz do Iguaçu. Na sequência serão ofertadas vagas para a Região Metropolitana de Curitiba.

“Antes mesmo da posse, já havíamos definido que a segurança nas escolas seria uma das prioridades da nossa gestão”, afirma o governador. “Esta é uma condição básica para que os nossos alunos possam ter tranquilidade para estudar, para que seus pais fiquem tranquilos e nossos professores não se sintam inseguros no ambiente de trabalho.”

ANTECIPADO

O programa, que seria lançado em maio, foi antecipado em função da tragédia ocorrida na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP), no dia 13 de março. “Tomamos a decisão de adiantar o cronograma para dar uma resposta rápida e firme ao que ocorreu em Suzano”, afirma Ratinho Junior.

O governador prevê que esta primeira etapa comece ainda em abril e explica que serão priorizadas as escolas localizadas em bairros mais vulneráveis.

VISITA A ESCOLAS

O chefe da Casa Civil, Guto Silva, esteve nesta sexta-feira (22) em escolas de Foz do Iguaçu que deverão participar da primeira etapa do programa. Ele destacou a união de ações de segurança, pedagógicas e de apoio à comunidade escolar.

“O Escola Segura estabelece procedimentos que englobam várias questões que preocupam a todos, como venda e consumo de drogas e bullying e é um apoio importante para a vigilância do entorno dos colégios”, explica. Silva acrescenta que a Defesa Civil também terá participação no programa e será responsável por treinar a equipe escolar e os policiais na prevenção de situações de crise e calamidade.

PREPARAÇÃO

Para o secretário de Educação, Renato Feder, outro ponto forte é a integração entre a equipe gestora das escolas e os policiais, que trabalharão em conjunto na prevenção e mediação de conflitos.

“Vamos orientar as equipes gestoras para que realizem um trabalho de conscientização junto aos estudantes e a Secretaria da Educação vai preparar um material informativo para orientação e prevenção para as escolas” informa. Também que serão realizadas ações preventivas no entorno das escolas.

ORIENTAÇÃO ESPECIAL

Os policiais militares selecionados pelo programa receberão uma orientação especial para atuar no ambiente escolar. Será realizada uma capacitação de 21 horas para o trabalho junto às escolas. “Eles atuarão como vigias da escola e também serão peças importantes, devido a sua experiência, para identificar comportamentos agressivos, evitar bullying, trabalhar na prevenção às drogas e fazer o monitoramento focado na segurança do ambiente escolar e do seu entorno”, explica o secretário de Segurança Pública, Luiz Felipe Carbonell.

Carbonell acrescenta que os policiais também farão a prevenção de possíveis perturbações ou atentados contra os prédios dos estabelecimentos.