Com o Trio Nikkei, formado pelos músicos  João Egashira (violão), Lilian Nakahodo (piano)  e Saemi Murakami (taiko, shakuhachi e fue), começa, em setembro em Curitiba, a série de shows Sons Nikkei – fusão musical: Brasil – Japão.  Além dos shows acontecerão workshops gratuitos com todos os artistas do projeto.

Essa formação, que alia instrumentos brasileiros com japoneses,  foi criada exclusivamente para o projeto. Até dezembro acontecerão quatro shows diferentes, em sete apresentações  a preços populares com o trio e os convidados Naomi Kumamoto (flauta), Yuzo Akahori (Shamisen), Arthur Endo (violão) e Fernanda Takai (voz).

A série se inicia nos dias 5 e 6 de setembro, no Auditório Antônio Carlos Kraide – Portão Cultural, com o Trio Nikkei convidando Naomi Kumamoto, flautista japonesa que reside no Rio de Janeiro e é especialista em Choro.

O termo “Nikkei” tem origem na língua japonesa e é utilizado para denominar os descendentes de japoneses que vivem de forma regular em outros países. No contexto da série de shows, visto que os músicos –  japoneses ou descendentes –  vivem no Brasil, este vocábulo também é  carregado de brasilidade dada a combinação das influências dos dois países, nas criações dos artistas.

O Paraná é o segundo estado com maior número de descendentes japoneses no Brasil, sendo que cerca de 40 mil deles vivem em Curitiba. Alguns deles são bastante atuantes no cenário musical da cidade. Para o projeto foram escolhidos três representantes nikkei da cidade: João Egashira no violão, Lilian Nakahodo no piano e Saemi Murakami nas flautas e tambores japoneses. Os arranjos serão construídos coletivamente sob orientação do diretor musical João Egashira.

As influências musicais dos artistas envolvidos são múltiplas e dão o tom das apresentações, indo da música tradicional japonesa até o Choro e a Bossa Nova, passando pela música erudita, o forró, o jazz e até a música contemporânea. Tal fato poderá ser percebido pela diversidade e variedade de gêneros e estilos dos repertórios, que também contará com composições próprias do trio feitas exclusivamente para o projeto. Pode-se dizer que isso se configura em uma miscigenação musical com um sabor bastante brasileiro.

João Egashira

Violonista, arranjador, compositor, produtor musical e pesquisador. Diretor da Orquestra à base de corda desde 2001, com a qual já se apresentou ao lado de nomes como Paulinho da Viola, Dominguinhos, Lenine, Zeca Baleiro, Renato Borghetti, Yamandu Costa, Rosa Passos, entre outros…

Lilian Nakahodo

É pianista, pesquisadora, compositora, editora de áudio para filmes e professora de piano, com formação em Produção Sonora e mestrado em Criação, Estética e Teoria Musical pela UFPR. Toca profissionalmente em diversos grupos musicais desde 2000, dos mais variados gêneros, buscando paralelamente o aperfeiçoamento em composição, sonologia e performance pianística  em oficinas de música (Curitiba, Itajaí e Tatuí) e congressos, simpósios e encontros de música e arte sonora

Saemi Murakami

Compositora para trilhas de vídeo e para acompanhamento com dança Yosakoi Soran, para canções e músicas instrumentais, professora de piano e técnica vocal. É a atual líder do grupo de wadaiko (tambor japonês) de Curitiba, o Wakaba Taiko. Dentro das atividades do grupo, atuou na assistência de direção artística dos shows, composições para taiko e composições para campeonatos.

Naomi Kumamoto

Flautista japonesa que reside no Rio de Janeiro e é especialista em Choro. Nascida em Kobe, no Japão, Naomi Kumamoto formou-se em música (flauta) pela Universidade de Pedagogia de Osaka. Trabalhou durante vários anos em orquestras sinfônicas, onde tocava o repertório de música erudita e atuava em gravações e apresentações. Um dia descobriu o choro e se apaixonou.

Yuzo Akahori

Paulista, descendente de japoneses, virtuoso instrumentista de shamisen (instrumento de cordas tradicional). Bacharel em Música pela Faculdade de Artes Santa Cecília de Pindamonhangaba. Yuzo estudou e ainda estuda shamisen no Japão com renomados professores, como Minoru Utida que já tocou com o cantor Takashi Hosokawa, Shimazu Aya e também o professor Takayuki Matsuda, professor de grandes nomes como Takeshi Kitayama. Recentemente teve cursos extras com Ryoichiro Yoshida do Yoshida Brothers, onde hoje ele é o seu mentor. Lançou o 1º CD de Shamisen do Brasil e da América Latina.

Arthur Endo

Violonista brasileiro, compositor e arranjador. Seu trabalho é fortemente influenciado pela música brasileira, latina e erudita. Com apenas 22 anos, Arthur lançou em 2019 o seu primeiro álbum Narrativas de um Brasil. Fez turnê pela Holanda em 2018, com shows em Amsterdam, Nijmegen e Amersfoort. Na mesma turnê, representou o Brasil no Imagine Internacional Festival 2018 em Maastricht e realizou concertos no Leusden Jazz Festival. Um dos seus projetos mais recente foi a gravação produzida e dirigida pelo violonista Yamandu Costa.

Fernanda Takai

Cantora e compositora, vive em Belo Horizonte, Minas Gerais. Formada em Relações Públicas, UFMG, 1993. É vocalista da banda mineira Pato Fu há 25 anos. Lançou-se numa carreira solo com repercussão nacional e internacional, chegando a gravar um CD de inéditas com o guitarrista Andy Summers (The Police) em 2012. Lançou 18 álbuns e 7 DVDs. Tem 4 Discos de Ouro, vendeu mais de um milhão de cópias. Artista multipremiada pela APCA, Grammy Latino, MTV Brasil, Multishow, Revista Bravo!, Prêmio da Música Brasileira, entre outros. Tem 4 livros publicados (Panda Books, Cobogó e Itaú) e conquistou recentemente um prêmio Jabuti como cronista.

 

 Agende-se:

Trio Nikkei + Naomi Kumamoto

Dias 5 e 6/09, às 20h, no Auditório Antônio Carlos Kraide – Portão Cultural (Av. República Argentina, 3430). Ingresso a dez e cinco reais

Workshop com Naomi Kumamoto, com o tema A Flauta no Choro

Dia 6/09, das 9h às 12h, no Conservatório de MPB de Curitiba; inscrições gratuitas, no local, uma hora antes

Trio Nikkei + Arthur Endo

Data: 27 e 28/09, às 20h, no SESI Portão (Rua Padre Leonardo Nunes, 180). Ingresso a dez e cinco reais

Workshop de Violão Solo Brasileiro, com Arthur Endo

Dia 28/09, das 9h às 12h, no Conservatório de MPB de Curitiba; inscrições gratuitas, no local

Trio Nikkei + Yuzo Akahori

Dias 19 e 20 de outubro, às 20h, na Capela Santa Maria (Rua Conselheiro Laurindo, 273); ingresso a dez e cinco reais

Workshop de Shamisen com Yuzo Akahori

Dia 19 de outubro, das 9h às 12h, no Conservatório de MPB de Curitiba, inscrições gratuitas, no local – 1h antes

Trio Nikkei + Naomi Kumamoto + Arthur Endo + Yuzo Akahori + Fernanda Takai

Dia 11 de dezembro, às 20h, no Teatro Positivo (Pequeno auditório); ingressos a dez e cinco reais

O projeto é realizado com os apoios da Fundação Cultural de Curitiba e Positivo. Como contrapartida social, durante o período do projeto o Trio Nikkei também fará concertos gratuitos em escolas municipais da cidade.