Situação complicada

477

Em péssima situação financeira, o Cruzeiro não tem sequer previsão para quitar os seus atrasos com jogadores e também funcionários do clube. Sem receitas, os salários atrasados são só mais uma dor de cabeça que a diretoria vem convivendo nos últimos meses.
Pelo menos desde o meio do ano, o Cruzeiro tem encontrado dificuldades para arcar com seus compromissos em dia. Em alguns momentos, até os salários de funcionários da sede e da Toca da Raposa ficaram em atraso, situação que voltou a se repetir agora no mês de dezembro.
Além disso, o 13º salário de 2019 também não tem data prevista para ser pago. Em relação aos jogadores, o clube já acumula pelo menos dois meses sem pagamento. A situação drástica forçará o Cruzeiro a fazer grandes cortes em sua folha de pagamento.
Com Folhapress