“O ninho do ossobuco”, petisco vencedor do concurso

Com o tira-gosto “O ninho do ossobuco” (ninho de purê de batata gratinado, recheado com ossobuco em cubos; linguiça Blumenau recheada com provolone à milanesa e ameixa preta envolta por bacon), o Schnaps Bar foi o vencedor do capítulo de Curitiba do Comida di Buteco 2019. E ganhou o bicampeonato, conquistado pela primeira vez por um concorrente. Vai agora disputar o título de melhor boteco do Brasil.
A premiação dos vencedores do evento foi na noite da segunda-feira 3 de junho, no Mercado Municipal. Em segundo lugar ficou o estreante Puinas Bar, com Steak Tartar; e em terceiro, o Bar do Edmundo, com Coxinha Baiana, feita com os ingredientes de moqueca de camarão. No ano passado, o Edmundo foi o vice-campeão.
O concurso ainda contemplou o Schnaps em outras duas categorias: melhor Petisco Perdigão, premiação paralela de um dos patrocinadores do Comida di Buteco que foi decidida apenas com o voto dos jurados; e como a melhor homenagem aos 20 anos do concurso, que motivou os concorrentes a criarem uma peça sobre o tema.
O Comida di Buteco foi desenvolvido entre 12 de abril e 5 de maio com a participação de 24 bares que, no período, segundo a organização, recebeu cerca de 300 mil pessoas. Os quesitos avaliados foram: tira-gosto, higiene do local, atendimento e temperatura da bebida. Cada quesito tem um peso diferente, mas o do petisco vale 70% da nota. O peso dos votos da população foi de 50%. Os outros 50% foram da avaliação de um corpo de jurados que votou nos mesmos critérios.