Rockets derrota Warriors na prorrogação na NBA

657

Num confronto de reviravoltas e muita emoção, o Houston Rockets foi decisivo nos segundos finais para derrotar o Golden State Warriors, atual bicampeão da NBA, por 135 a 134 na prorrogação, na noite desta quinta-feira. No tempo normal, as duas equipes empataram por 119. James Harden, como de costume, fez a diferença em quadra, diante de sua torcida.

MVP da temporada passada, o astro foi o cestinha do jogo e anotou um “triple-double” de 44 pontos, dez rebotes e 15 assistências. Foi dele ainda a cesta decisiva, de três pontos, a 2s7 do fim da partida. Ele obteve seu segundo “triple-double” da semana e a quinta partida consecutiva em que marcou ao menos 40 pontos.

Harden teve o apoio de Clint Capela, com um “double-double” de 29 pontos e 21 rebotes. Austin Rivers, Danuel House Jr. e Gerald Green contribuíram com 18, 17 e 16 pontos, respectivamente.

A boa atuação coletiva do Rockets ofuscou a dupla formada por Kevin Durant e Stephen Curry, cestinha da equipe, com 35 pontos. Durant e Klay Thompson anotaram 26 pontos cada. E Draymmond Green esteve perto de um “triple-double” ao registrar nove pontos, 11 rebotes e oito assistências.

O resultado da partida deixou as duas equipes mais próximas na tabela da Conferência Oeste. O Warriors segue à frente, na terceira colocação, com 25 vitórias e 14 derrotas. O Rockets aparece em quarto, com 22 triunfos e 15 derrotas.

Líder da tabela, o Denver Nuggets ampliou a vantagem ao vencer mais uma. Em casa, superou o Sacramento Kings por 117 a 113. Jamal Murray foi o cestinha do duelo, com 36 pontos em favor do Nuggets, sendo 17 deles anotados no último quarto. E Nikola Jokic obteve um “double-double” de 26 pontos e 13 rebotes. Pelo Kings, o destaque foi Buddy Hield, com 29 pontos.

O Nuggets conquistou a quarta vitória consecutiva, sendo a oitava nos últimos dez jogos. Assim, lidera o Oeste com 25 vitórias e 11 derrotas. Já o Kings, com sua terceira derrota seguida, ocupa a nona posição da mesma tabela, com o mesmo número de triunfos e derrotas: 19.

Em San Antonio, o Spurs reencontrou Kawhi Leonard e Danny Green, que agora defendem o Toronto Raptors. E eles tiveram recepções opostas diante da torcida texana. Se Green recebeu aplausos, Leonard foi vaiado do começo ao fim do jogo.

Embora em melhor fase, o Raptors não esteve à altura dos anfitriões, que foram liderados por DeMar DeRozan na vitória por 125 a 107. Ele obteve o seu primeiro “triple-double” da carreira, com 21 pontos, 14 rebotes e 11 assistências. E LaMarcus Aldridge anotou 23 pontos.

Pelo Raptors, Leonard foi o principal pontuador, com 21. Mas se destacou sozinho, sem o apoio dos companheiros. Depois dele, o maior destaque foi Delon Wright, com 15 pontos.

Com o seu 22º triunfo (tem 17 derrotas), o Spurs voltou a se aproximar dos primeiros colocados do Oeste. É o sétimo colocado da tabela. Na Conferência Leste, o Raptors ocupa a vice-liderança, com 28 triunfos e 12 derrotas.

Confira os resultados da noite desta quinta-feira:

San Antonio Spurs 125 x 107 Toronto Raptors

Denver Nuggets 117 x 113 Sacramento Kings

Houston Rockets 135 x 134 Golden State Warriors

Acompanhe os jogos desta sexta-feira:

Cleveland Cavaliers x Utah Jazz

Memphis Grizzlies x Brooklyn Nets

Boston Celtics x Dallas Mavericks

Chicago Bulls x Indiana Pacers

Minnesota Timberwolves x Orlando Magic

Miami Heat x Washington Wizards

Milwaukee Bucks x Atlanta Hawks

Phoenix Suns x Los Angeles Clippers

Los Angeles Lakers x New York Knicks

Portland Trail Blazers x Oklahoma City Thunder