Retomada

541

Nos últimos anos, o Brasil atravessou uma crise econômica sem precedentes, uma recessão que atingiu praticamente todos os setores. O desemprego chegou a patamares desconcertantes; a inflação castigou o orçamento das famílias; o comércio viu suas vendas despencarem; a indústria teve que baixar bastante sua produção; a inadimplência bateu recordes; e tantos outros fatos negativos fizeram parte do noticiário econômico todos os dias. Agora, porém, parece que as coisas começam a melhorar.

De acordo com informações divulgadas pelo Banco Central (BC), o Índice de Atividade Econômica (IBC-Br) dessazonalizado (ajustado para o período) apresentou alta de 0,02% em outubro, comparado a setembro. Na comparação com outubro de 2017, houve crescimento de 2,99% nos dados sem ajustes, já que a comparação é entre períodos iguais. Além dos resultados positivos apresentados pelo Banco Central, outros pontos mostram uma possível – e já palpável – retomada da economia. Alívio para o povo!