Produção industrial do PR avança 3,1 % em junho

497

A produção industrial do Paraná cresceu 3,1 % no mês de junho, em comparação com maio. É o terceiro melhor resultado do País, atrás apenas da Bahia (5,6 %) e de Pernambuco (4,8 %). Em relação ao mesmo mês do ano passado, a produção paranaense avançou 1,6%. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (9) pelo IBGE.

Na avaliação do presidente do Ipardes, Gilmar Mendes Lourenço, o crescimento de 3,1 % mostra um movimento de recuperação do setor industrial paranaense. “Esse movimento vem puxado pelas indústrias de material de transporte, material elétrico e de telecomunicações, refino de petróleo e álcool, produtos químicos em geral e minerais não metálicos, utilizados na construção civil”, afirma.

Segundo Lourenço, a queda de 1,1% na produção industrial do Paraná no segundo trimestre é explicada pela retração da indústria no mês de maio (cerca de -6%). “A política de restrição de crédito e de sobrevalorização do real tiveram impacto nos setores gráfico, de móveis, bebidas e celulose que influenciou todo o período. Mas o crescimento apresentado em junho dá mostras da recuperação da produção industrial do Estado”, diz.

Para o segundo semestre, o presidente do Ipardes afirma que três fatores principais vão ter impacto na produção paranaense: a crise internacional, a política macroeconômica federal e o ambiente de negócios no Paraná. “Apesar de os dois primeiros serem empecilhos, a tendência é de que o bom ambiente para a realização de negócios que se restabeleceu no Paraná desde o início do ano e o interesse do governo do Estado em trabalhar em parceria com o setor produtivo sejam capazes de fortalecer as indústrias aqui instaladas e atrair novos empreendimentos”, afirma.