A Petrobras informou nesta quinta-feira (8) que vendeu 50% de sua fatia na Belem Bioenergia Brasil (BBB).
A operação movimentou R$ 24,7 milhões, que ficarão retidos até dezembro de 2020 para potenciais pagamentos de indenização, segundo a Petrobras.
A petroleira assinou o contrato que cedeu metade de sua participação para a Galp Bioenergy, que detém os demais 50% na empresa.
A Belem Bioenergia foi constituída em 2011 pela Galp e pela Petrobras, com o foco na produção de óleo vegetal e biocombustível.
De acordo com a petroleira, a operação está em consonância com a sistemática para desinvestimentos da Petrobras.
“Essa transação está alinhada à otimização do portfólio e à melhoria de alocação do capital da companhia, visando à geração de valor para os nossos acionistas”, disse a Petrobras, por meio de nota oficial.