Quando tudo parecia mais risonho e calmo para o pessoal que naufragou na Operação Quadro Negro, o Gaeco voltou firme para cumprir 32 mandados de busca e apreensão nesta manhã de ontem, 7, em residências de empresários e sedes de construtoras envolvidas nas licitações para a obras de reforma e construção de escolas estaduais no Paraná. A ação faz parte daa 6ª fase da Operação Quadro Negro, que investiga irregularidades em obras de reforma e construção de escolas estaduais do Paraná.

A nova operação é extensa. Foram 27 alvos em Curitiba, três em Cascavel, no Oeste do Paraná, e um em Campo Largo. Não há mandados de prisão, mas uma pessoa foi presa por desacato a autoridade. De acordo com o Ministério Público do Paraná (MP-PR), o esquema era chefiado pelo então governador Beto Richa (PSDB), e desviou cerca de R$ 20 milhões.

O ex-governador Beto Richa foi preso preventivamente em março por obstrução de justiça. Duas semanas depois foi solto por decisão da 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Paraná, que considerou que os fatos que levaram à prisão de Richa eram antigos. Ao todo, sete processos criminais integram a operação.

Lu Pereira pede exoneração

A Superintendente de Cultura do Paraná, Luciana Pereira, pediu exoneração do cargo nesta quarta-feira (7). Luciana pretende morar no exterior e essa vontade foi determinante para encerrar seu ciclo à frente da Cultura no Paraná. Deve ser substituída por Fabrício Ferreira, pessoa de confiança também do Secretário de Comunicação, Hudson José.

Salvador da pátria

Falta mais de um ano para as Eleições no Coritiba, mas a ala de oposição ao atual presidente Samir Namur já definiu o nome para a disputa. Renato Follador encabeça a já lançada chapa Coritiba Ideal, que também abriga gente graúda interessadíssima em ver a turma ligada a Samir longe do Alto da Glória. Expert em Previdência, Follador seria uma escolha principalmente para recuperação econômica do alviverde. Em conversas com a imprensa, o pré-candidato tem adotado um tom discreto e republicano. Dá a entender que só entra em cena se Samir não arrumar a casa até o ano que vem. A conferir.

STF suspende

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu na tarde desta quarta-feira manter o ex-presidente Lula preso na sede da Polícia Federal, em Curitiba (PR), onde está desde abril de 2018. Relator do habeas corpus impetrado no Supremo, o ministro Edson Fachin, que é relator da Lava-Jato, negou o pedido de liberdade feito pela defesa do petista, mas decidiu conceder o impedimento da transferência para o presídio de Tremembé, em São Paulo. Fachin votou por suspender transferência e foi acompanhado pelos ministros Gilmar Mendes, Alexandre de Moraes e Luiz Roberto Barroso.

Lula contesta

Os advogados de defesa de Lula pediram a suspensão de sua transferência de Curitiba para a penitenciária de Tremembé, em São Paulo, antes do julgamento de pedido de habeas corpus. Em nota, o advogado Cristiano Zanin Martins criticou a decisão da juíza Carolina Lebbos, da 12ª Vara Federal em Curitiba, e afirmou que tomará todas as medidas necessárias para assegurar direitos do ex-presidente.

Precedente

“A decisão proferida contraria precedentes já observados em relação a outro ex-presidente”, diz o texto da defesa. Ele cita o habeas corpus obtido pelo ex-presidente Michel Temer no TRF-2, na ocasião em que foi preso no âmbito da Lava-Jato e obteve o direito a ficar detido em uma sala especial da PF no Rio.

Vítima

Ainda segundo a nota, “Lula é vítima de intenso constrangimento ilegal imposto por parte do sistema de Justiça. A defesa tomará todas as medidas necessárias com o objetivo de restabelecer a liberdade plena do ex-presidente Lula e para assegurar os direitos que lhe são assegurados pela lei e pela Constituição Federal”.

A favor de Deltan

Rosângela Moro usou as redes sociais nesta madrugada de quarta-feira para sair em defesa do chefe da Lava-Jato em Curitiba, Deltan Dallagnol, que pode ser afastado de suas funções pelo CNMP na semana que vem.  “Tempos confusos… quem faz seu trabalho institucional acaba sendo injustamente ofendido”, escreveu a mulher de Sergio Moro. “Aguenta firme, Deltan”, complementou com uma hashtag.

Na corda bamba

Deltan pode deixar o comando da operação e suas funções no MPF por causa das revelações de que teria abusado de suas funções ao investigar autoridades com foro, como mostram mensagens vazadas do seu Telegram. Ele também mantinha uma rentável e paralela agenda de palestras.

Para barrar Eduardo

O senador Styvenson Valentim (Podemos-RN) juntou 40 assinaturas de apoio a uma PEC contra o nepotismo que, se aprovada, impediria a nomeação de Eduardo Bolsonaro para a embaixada do Brasil nos Estados Unidos. Se, no plenário do Senado, os 40 senadores que apoiam a PEC e apenas mais um votarem contra a indicação de 02, a nomeação também seria barrada. A conferir se os senadores vão manter a posição manifestada na PEC.

Bolsonaro crítica Anvisa

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) criticou nesta terça-feira (6) agências regulatórias como a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e questionou se não há “excesso de zelo” ou se “estão procurando criar dificuldade para vender facilidade”. O presidente também afirmou que não foi eleito presidente para legalizar as drogas.  A declaração foi dada durante inauguração de nova planta do Laboratório Cristália, que produz insumos para remédios contra o câncer.

Segunda ponte

Começou ontem a construção da Ponte da Integração Brasil-Paraguai. Maquinários e operários darão início às obras com a atividade de terraplanagem, nas imediações do Marco das Três Fronteiras, na margem brasileira do Rio Paraná. Com informações da Rádio Cultura Foz. A ordem de serviço foi assinada na última quinta-feira (1º), pelo governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Júnior, e pelo diretor-geral brasileiro da Itaipu, general Joaquim Silva e Luna. O contrato prevê um prazo de 36 meses para a execução.

Suplente em campo

A novela protagonizada por Bolsonaro em tentar baratear o custo doméstico da energia comprada de Itaipu levou o Brasil para o centro de uma crise com o Paraguai, com suspeitas que chegaram a ameaçar o governo de Mario Abdo Benitez. No meio de tudo, um negócio milionário sobre o volume de energia suficiente para abastecer cidades como Volta Redonda, polo siderúrgico. E entre os brasileiros envolvidos, André Giordano, apresentado como “vinculado à família do mandatário brasileño”. Ele é suplente do Major Olímpio (PSL-SP), líder de Bolsonaro no Senado.

 

Super usina

O poder público é a maior usina geradora de empregos do planeta. Em 2002, os gastos com o pessoal consolidado (união, estados e municípios) foi de R$ 198,7 bilhões (13,35 do PIB); em 2018, foi de R$ 1.129,0 (16,53 do PIB), ou seja, crescimento real em relação do PIB de 22,82%. Segundo o economista Ricardo Bergamini, nenhuma nação do planeta conseguiria bancar tamanha orgia pública.

 

Mais vagas

Ainda a usina geradora de empregos: hoje, são quase 200 concursos com inscrições abertas que reúnem novas 22,3 mil vagas em todo país. Os cargos são para todos os níveis de escolaridade. Os salários podem chegar a R$ 35.462,22 no Tribunal de Contas de Rondônia. As Forças Armadas também querem: na Aeronáutica, novas 372 vagas; no Exército, outras 258 vagas; e na Marinha, mais 90 vagas.

 

Outra língua

Nas redes sociais, há muito espaço para criticas e gozações sobre a hipótese de Eduardo Bolsonaro virar embaixador em Washington. Uma delas: o sujeito chega a Eduardo e pede que ele demonstre a perfeição de seu inglês. O filho do presidente dispara a falar. Aí, o mesmo sujeito repete: “Muito bem, mas essa língua eu não conheço. Fale em inglês agora!”.

 

Laços de família

Levantamento mostra que, em 28 anos, desde o primeiro mandato de Jair Bolsonaro como deputado, foram nomeados 286 assessores para seu gabinete e de seus três filhos. Desses, 102 têm algum parentesco ou relação familiar entre si. Equivale a 35% do total de funcionários indicados pelos Bolsonaros no período. E a grande parte nunca deu as caras nesses empregos públicos.

 

Tesoura no BB

O Banco do Brasil continua sua política de cortes de funcionários, obedecendo a redução do quadro organizada pelo atual comando da economia.  Hoje, são 96,048 funcionários. Em alguns lugares o atendimento vai se tornando precário, mais ainda nas regiões mais pobres, onde não há acesso a serviços digitais.

 

É o Brasil!

Pais dormem em fila para marcar consulta no hospital infantil de Duque de Caxias, no Rio. Lá, a primeira segunda-feira do mês é o único dia para marcação de consultas pediátricas. Chegar de madrugada na fila não significa garantia de conseguir atendimento. Essa situação acontece na maioria dos hospitais públicos espalhados pelo interior do país, onde uma cirurgia é marcada com um ano de antecedência.

 

Matando sem crime

De novo, em entrevista a Leda Nagle, em seu canal do YouTube, o presidente Bolsonaro voltou a falar sobre sua sonhada isenção de policiais por homicídios. Acha que a violência vem crescendo “assustadoramente” e enviará decreto ao Congresso para inocentar policiais de quaisquer penas “por abater bandidos”. No Congresso, não há clima para isenção a quem cometeu mortes.

 

Mais uma

O ministro do STF, Luís Roberto Barroso, deu prazo de 15 dias para que o presidente, caso queira, se manifestar sobre a morte do pai do presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, que militava em movimento contrário à ditadura. E agora, também Rosa Weber, igualmente do Supremo, dá 15 dias, para Bolsonaro, se quiser, falar sobre a morte do capitão Charles Chandles, que teria tido a participação da ex-presidente Dilma Rousseff.

 

Sem fôlego

Levantamento feito junto as principais empresas de construção atingidas pela Lava Jato, com bases nos balanços de sete das maiores companhias, publicado em julho, apontou que a receita líquida dessas empresas está 85% menor do que em 2015, no auge de sua atividade.

 

Maior live

No próximo dia 18 de agosto, domingo, São Paulo terá a maior live coletiva já realizada no planeta. Influenciadores digitais, youtubers e público jovem vão se reunir na Avenida Paulista para brincar com o limite do real e do virtual.

 

Pensão por morte

O secretário da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, alerta que haverá um impacto fiscal de R$ 130 bilhões em dez anos caso a oposição consiga retirar do texto a regra aprovada no primeiro turno da reforma da Previdência que estabelece corte de 60% do valor recebido da pensão por morte. O argumento do governo é que a redução da pensão é uma prática em todos mundo. A despesa com esse beneficio em países desenvolvidos é de 1% do PIB; no Brasil, é de 3% do PIB.

 

Missão especial

Se Eduardo Bolsonaro chegar à embaixada brasileira em Washington terá uma missão prioritária: colocar em marcha uma política de troca de recursos minerais estratégicos em acordos comerciais bilaterais. O Brasil não tem moeda de negociação com o mundo: o subsolo é o único grande ativo para ser colocado no tabuleiro. Aí, Trump, amigo de Bolsonaro, teria razoes geoeconômicas para reduzir o espaço da entrada dos chineses na extração de minerais estratégicos no Brasil.

 

Segundo round

Nova fase da Operação Greenfield estaria prestes a sair do forno. Seria resultado de centenas de documentos e informações passadas à Polícia Federal pela Funcef sobre investimentos em dois fundos: o FIP Global Equity e o FIP Dondas, leia-se Sete Brasil.

 

Currículo

Matéria publicada pelo jornal Agora Paraná garante que o atual deputado federal pelo PSOL, David Miranda, era garoto gay que aliciava outros gays para filmes pornôs produzidos suspostamente por Glenn Greenwald. Depois, os dois se casaram e atualmente, adotaram duas crianças como seus filhos.

 

Mais faltosos 1

O site Congresso em Foco fez um levantamento para apontar os deputados mais faltosos neste ano. Encabeçando a lista está o Paulo Freire Costa (PL-SP), com 47 faltas, sendo que 45 foram justificadas. Em seguida, vem Vinícius Gurgel (PL-AP), com 40 faltas e 33 justificadas e completando o pódio Assis Carvalho (PT-PI) com 36 faltas todas justificadas.

 

Mais faltosos 2

Ainda seguem na lista dos mais faltosos, num levantamento feito pelo Congresso em Foco: em quarto Giacobo (PL-PR), 35 faltas; seguindo-se José Priante (MDB-PA), 33 faltas; Sebastião Oliveira (PL-PE), João Campos (PRB-GO), Misael Varella (PSD-MG) todos com 31 faltas;  José Airton Félix Cirilo (PT-CE), 30; e Guilherme Mussi, (PP-SP) e Arthur Lira (PP-AL), ambos com 29.

 

Promessa

O subprocurador Augusto Aras, candidato à sucessão de Raquel Dodge na Procuradoria-Geral da República, está mandando avisar que, caso chegue lá, manterá Deltan Dallagnol na Lava Jato. Aras é apontado como favorito do bloco de Bolsonaro para o cargo.

 

Recuperado a tempo

O documentário Real, 25 anos, produzido pelo Livres e pela economista Elene Landau, relata a garra do ex-embaixador e ex-ministro da Economia Rubens Ricupero na edição do planto que estancou a hiperinflação brasileira. Suas reuniões com o presidente Itamar Franco eram duras porque ele queria acabar com a URV – Unidade Real de Valor e entrar com um congelamento de preços. Na noite anterior ao lançamento do Real, Itamar e Ricupero conversaram muito – e o presidente foi convencido.

 

Partido é partido

Ainda o documentário sobre o lançamento do Plano Real: Pérsio Árida conta que o ex-governador Mário Covas, era contra. Achava fraco e que iria fracassar. Embora fora do governo, era senador pelo PSDB e apoiava Itamar. Vencido no debate político, defendeu para valer o plano no Congresso.

 

Operação tartaruga

O presidente do STJ, João Noronha, decidiu não convocar um magistrado substituto para o ministro Felix Fischer, afastado por razões de saúde. Os processos da Lava Jato na 5ª Turma, relatados por Fischer, serão distribuídos um a um. O que atrasa apreciação de recursos, incluindo o do ex-presidente Lula, que espera pelo veredito em relação a seu pedido de transferência para regime aberto.

 

Um terço

Na semana de incentivo a amamentação um levantamento feito pela revista The Lancet mostra que somente 38% dos bebês são alimentados exclusivamente pelo leite materno até os seis meses de vida no Brasil. E apenas 32% continuam sendo amamentando até 24 meses. Mais: Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) trazem uma campanha para mostrar os benefícios da amamentação, entre elas a redução em 13% de morte infantil; o risco de desenvolverem hipertensão, diabetes, obesidade em fase adulta e proteção contra doenças respiratórias e alérgicas ainda na fase infantil.

 

Fazendo o melhor

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, não aceitou muito bem as críticas que a produção de alimentos do país vem recebendo e as classificou como negativas. “É inadmissível que o agronegócio brasileiro tenha tido nessa última semana um bombardeio pela mídia nacional, colocando o alimento produzido no Brasil como inseguro, o que não é verdade. Quero dizer a vocês que eu tenho convicção de que nós estamos fazendo o melhor para o nosso país”.

 

Olhar para frente

O professor do ITA – Instituto Tecnológico da Aeronáutica, Darcton Damião, foi o escolhido para comandar o Inpe, depois da demissão de Ricardo Galvão. Em sua primeira entrevista, ele garante que será transparente e que não é possível esconder os dados reais. “Quero olhar para frente, não para trás, pensando no que é melhor para o Brasil”.

 

Na semana que vem

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, disse que nenhum dos líderes partidários na volta do recesso parlamentar relataram problemas em seus estados por conta da segunda votação reforma da Previdência e acredita que o texto deverá ser votado ainda esta semana. “Quero entregar para o Senado já na semana que vem, e aí poderemos tocar nossas outras pautas também importantes, como a tributária e a reforma administrativa”.

 

Até Tuca

Quem diria: até o ator Tuca Andrade, 54 anos, usou as redes sociais para mostrar que está com tudo em cima e também para apimentar ainda mais o feed de suas seguidoras no Instagram. No último fim de semana, publicou foto onde aparece nu, cobrindo a região mais estratégia com parte de um lençol. “Para as puritanas, com carinho. Boa noite, mundo!” – escreveu na legenda da imagem.

 

Dúvidas

A decisão da ANAC de entregar à Passaredo 14 dos antigos slots da Avianca em Congonhas não foi bem recebida por outros públicos do setor aéreo. As áreas técnicas da Infraero e do Decea (Departamento de Controle do Espaço Aéreo) tem dúvidas sobre a capacidade da Passaredo de operar as estruturas e voos no aeroporto. A Passaredo ainda traz sequelas de quem enfrentou um processo de recuperação judicial há dois anos.

 

Também querem!

Deputados e senadores ganham hoje R$ 33,7 mil, mesma remuneração anterior dos ministros do Supremo. Mas como no STF ganha-se agora R$ 39,3 mil, eles querem o aumento “como manda a Constituição”. Também lembram que não tem aumento desde 2014. Por isso, foi retomada a articulação para incluir a equiparação na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), com gastos do governo para 2020.

 

Dose dupla

Depois de Alexandre de Moraes que afastou dois auditores e suspendeu 133 fiscalizações da Receita sobre autoridades, agora também o TCU ameaça dar trabalho do Fisco. O Tribunal cobra da Receita informações sobre levantamentos efetuados sobre variação patrimonial suspeita de agentes públicos nos últimos cinco anos.

 

Sondagem

Dony De Nuccio, que pediu demissão da Globo na semana passada, por descumprir o Código de Ética da emissora deixando o comando do Jornal Hoje não deverá ficar muito tempo desempregado. Band e Record já estariam com propostas de trabalho para o jornalista. Enquanto isso, Sandra Annenberg segue no comando sozinha. Alguns nomes já estão sendo sondados para ocupar a vaga, como o de Márcio Gomes e Murilo Salviano. Só que a emissora também cogita uma estuda a possibilidade do noticiário ser comandado somente por mulheres, o que seria uma novidade. Se acontecer o nome mais provável é de Maria Julia Coutinho, que segue em alta na emissora.

Frases

“Apesar de nunca ter votado nele, acho que [Lula] é um ex-chefe de Estado e merecia um outro tratamento.”

Rodrigo Maia