Musical sobre Malala é atração no Guritiba

862

O drama da menina paquistanesa que ganhou o Nobel da Paz ganha os palcos e integra a mostra Guritiba/Festival de Curitiba 2019.  Malala, a Menina Que Queria Ir Para Escola é uma montagem que chega do Rio de Janeiro e traz canções originais de Adriana Calcanhotto. O musical já foi aplaudido por cerca de dez mil pessoas.

 Malala Yousafzai, aos dez anos, viu sua cidade ser controlada pelo comando doTalibã, que baniu as mulheres das ruas e determinou que somente os meninos poderiam estudar. Usando pseudônimo, ela se tornou correspondente da BBC, através de um blog no qual relatava a opressão. Resultado: em 9 de outubro de 2012, aos 15 anos, quando voltava de ônibus da escola, sofreu um atentado a tiro. Foi salva e em 2014 tornou-se a mais jovem vencedora do Prêmio Nobel da Paz.

Essa história é o âmago da peça, uma adaptação de Rafael Souza-Ribeiro do livro-reportagem da jornalista Adriana Carranca, que  foi ao Paquistão, dias depois do atentado à vida de Malala e colheu depoimentos das mulheres do Vale do Swat.  “Ficou claro para mim que esta era uma história inspiradora para os pequenos, por Malala ser apenas uma menina que acreditou nos seus sonhos. Por ser uma história de amor à escola, aos professores e aos livros”, diz a jornalista.

“Encenar essa história no palco, nesse momento em que travamos uma luta incansável contra tantas formas de opressão, se faz necessário”, observa a atriz Tatiana Quadros, que idealizou a transposição para o teatro. Com oito atores e um músico, sob direção de Renato Carrera, a peça se passa em um quintal instigante, com coreografias e projeção de imagens. O elenco se divide em diversos personagens.

Convidada para escrever as músicas da peça, Adriana Calcanhoto comemorou: “Acompanho a trajetória de Malala desde sempre, com muita admiração por sua coragem e inteligência. Gostei de compor pensando em Malala porque, no fundo, quando crescer quero ser igual a ela”.

Agende-se: Teatro Bom Jesus, dias 30 e 31 de março, às 16h. Ingressos pelo site www.festivaldecuritiba.com.br, a 40 e 20 reais. Patrocínio e apoio do Programa Guritiba: Caterpillar, Perkins Motores, Tradener, Novozymes, New Holland, Mili, Savana, Berneck, Brose do Brasil e BRDE.