A Fresenius Medical Care, Companhia alemã líder mundial em produtos e serviços de diálise, concluiu a sua segunda aquisição de 2019. A Saubern, empresa com sede em Campo Mourão, no Paraná, tem foco na produção de equipamentos e soluções para tratamento de água. A Saubern nasceu em 2002 na Fundação Educere, que funciona como escola técnica, centro de pesquisa e desenvolvimento e incubadora de empresas. Com 60 funcionários e faturamento na casa de R$ 20 milhões ano, a Saubern atende todo o mercado brasileiro e já exporta para países da América Latina como Chile, Peru e Bolívia.

“A aquisição da Saubern fortalece o foco contínuo da Fresenius Medical Care na construção de um crescimento sustentável”, destaca John Anderson, Vice-Presidente Executivo América Latina da Fresenius Medical Care. “Nós enxergamos um enorme potencial no Brasil e seguiremos comprometidos em oferecer aos pacientes brasileiros o melhor acesso a cuidados de diálise de alta qualidade, continuando nossos investimentos em 2019.”

Edson Pereira, Presidente da Fresenius Medical Care no Brasil, também aponta as perspectivas. “Além do nosso investimento na aquisição de centros de diálise, pretendemos ampliar a nossa oferta de produtos e soluções de acordo com a necessidade crescente do mercado brasileiro. A aquisição da Saubern vem ao encontro da nossa estratégia de crescimento, diversificando ainda mais o portfólio da operação brasileira.”, explicou Edson.

A Fresenius Medical Care é a maior fornecedora mundial de produtos e serviços para pessoas com doenças renais, das quais cerca de 3,4 milhões de pacientes em todo o mundo passam regularmente por tratamento dialítico. Por meio de uma rede de 3.996 clínicas de diálise, a empresa oferece tratamento de diálise a 339.550 pacientes em todo o mundo. A multinacional é também líder na fabricação de produtos para diálise, como máquinas e dialisadores.

R$ 1,3 bilhões com cigarros ilegais no Paraná

Pesquisa realizada pelo Ibope Inteligência aponta que o contrabando continua respondendo pela maior parte dos cigarros consumidos no Paraná: 77% de todos os cigarros que circulam no Estado são contrabandeados do Paraguai. O montante irá movimentar cerca de R$ 1,3 bilhões apenas neste ano.

Esses números representam um recorde histórico da participação do cigarro ilegal no mercado paranaense e pode ser atribuído a três fatores: a diminuição no volume de apreensões, a diferença de até 164% entre os valores do produto ilegal e do ilegal e o baixíssimo preço do cigarro contrabandeado. Segundo o Ibope, o cigarro ilegal passou de R$ 2,73 para R$ 2,96 enquanto o preço mínimo estabelecido pelo governo para o cigarro legal no Brasil é de R$ 5,00.

Para o presidente do Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (ETCO), Edson Vismona, os dados do Ibope devem ser vistos com bastante atenção, e mostram como o fator financeiro impacta no crescimento do contrabando. “É fundamental reduzir a principal vantagem dos contrabandistas nessa guerra contra o contrabando: a diferença de preços entre os cigarros legais e aqueles trazidos ilegalmente do Paraguai. O atual sistema tributário penaliza principalmente os consumidores das classes C, D e E pois o imposto que incide sobre os produtos premium é exatamente o mesmo dos produtos populares” afirma Vismona.

Iluminação controlada por aplicativo

Sem nenhum tipo de cabo adicional e com controle via aplicativo, luminárias, sensores, lâmpadas e interruptores formam a nova linha da Philips Interact Pro, que será apresentada em um workshop gratuito na cidade de Curitiba .

Promovido pela Reymaster Materiais Elétricos  e marcado para esta quinta-feira (3) o evento terá como intermediador o gerente nacional da fabricante, Rafael Yamashiro.

“A linha Interact Pro é destinada a pequenas e médias empresas, atendendo até 200 pontos de luz. É de instalação simples e intuitiva. Através de um sinal próprio, a luminária, por exemplo, se conecta a um drive especifico chamado gateway, sendo que este recebe informações e as exporta para a cloud. A partir daí, é possível interagir com a iluminação através do aplicativo em qualquer lugar do mundo”, explica Yamashiro.

Há ainda as linhas destinadas a escritórios (Interact Office), indústrias (Interact Industry)  e iluminação pública (Interact City). O evento é gratuito, acontece das 19 às 21 horas e é direcionado a eletricistas e engenheiros. Contudo as vagas são limitadas e podem ser realizadas pelo site https://www.sympla.com.br/philips-interact-pro__654670 até dia 02/10, às 17 horas. A Reymaster fica localizada na Avenida Presidente Wenceslau Braz, 3241, em Curitiba.

Pequena hidrelétrica no Parque Barigui

Um pequena hidrelétrica, doada ao município de Curitiba pela Associação Brasileira de Pequenas Centrais Hidrelétricas (Abrapch), vai produzir energia suficiente para iluminar o Parque Barigui. Instalada no lago do parque próximo à BR 277, a Central Geradora Hidrelétrica (CGH) entrará em operação na sexta-feira (4), às 11h, quando será inaugurada pela Abrapch e Prefeitura de Curitiba.

A CGH vai gerar uma quantidade de energia capaz de suprir o consumo energético de 135 casas médias, com famílias de quatro pessoas.

A produção será injetada na rede da Companhia Paranaense de Energia Elétrica (Copel), gerando créditos de energia a serem compensados pelo município. A estimativa é que a economia aos cofres públicos seja de R$ 132 mil por ano.

De acordo com o presidente da Abrapch, Paulo Arbex, a doação da turbina para a geração de energia no Parque é uma contribuição para a cidade, que poderá utilizá-la em ações de educação, demonstrando a importância da fonte hidráulica. A obra teve início em maio deste ano.

A Central Geradora Hidrelétrica do Parque Barigui foi batizada com o nome do engenheiro civil e ambientalista do Instituto de Pesquisa e Planejamento de Curitiba (Ippuc), Nicolau Klüppel,  falecido em 2016 aos 86 anos. Ele foi um dos precursores na filosofia da drenagem urbana no Brasil, utilizando lagos para captação de água para evitar enchentes.

Empreendedores no Banco Original

O Original, primeiro banco no Brasil a proporcionar abertura de conta corrente 100% digital, registra mais de 50 mil novas contas Pessoa Única e a entrega de 30 mil maquininhas de cartão, em apenas 3 meses. A oferta, que foi a primeira do mercado a incluir serviços de contas para Pessoa Jurídica e Pessoa Física totalmente integradas em um único aplicativo, atende os microempreendedores (MEI, EI e EIRELI).

A conta Pessoa Única, criada a partir da necessidade de atender os profissionais liberais, traz para esse público toda a facilidade e segurança do Original para abertura de contas PJ e PF em um único aplicativo. “Nossa intenção com esse serviço, era atender um público formado por mais 28 milhões de brasileiros que trabalham por conta própria, sendo 8,3 milhões registrados formalmente na categoria de MEI (Microempreendedor Individual), oferecendo assim, uma identidade empresarial para esses clientes”, conta Antonio Mauricio Maurano, Diretor Executivo do Segmento Empresas do Banco Original. “Ter mais de 50 mil novas contas em tão pouco tempo mostra que estamos suprindo uma necessidade latente do mercado”, complementa.

Empresas precisam estar atentas ao uso  do WhatsApp

Um dos aplicativos mais utilizados atualmente, o WhatsApp, anunciou, recentemente, que as empresas que utilizarem a ferramenta para envio de mensagens em massa e spam, poderão ser multadas judicialmente. A decisão vale a partir de 07 de dezembro deste ano.

De acordo com o diretor comercial da Nexcore Tecnologia, Deivis dos Santos, para que as companhias estejam aptas para utilizarem o serviço de forma segura, é necessário que possuam a API oficial do WhatsApp, desenvolvida para empresas de médio e grande porte. A API oficial serve para facilitar a comunicação eficiente de companhias com o cliente, garantindo que a troca de mensagens siga as políticas de uso do próprio WhatsApp. “Para usar esta ferramenta, as empresas devem estar cientes quanto às regras de utilização do aplicativo para não correrem o risco de perderem seus números ou ainda serem multadas”, comenta.

O aplicativo de mensagem é um dos mais populares do Brasil. Atualmente, tem 120 milhões de usuários ativos no país e 1,5 bilhão no mundo. “Não é de hoje que a ferramenta tem se tornado essencial para a comunicação, tanto para empresas como para pessoas físicas, afinal o contato e a resposta são instantâneos e refletem o momento em que vivemos atualmente, de conectividade e agilidade. O que falta talvez, é mais informações para os empresários em torno dos benefícios de investir em uma API Oficial integrada a outras soluções de comunicação, como os canais omnichannel”, finaliza Santos.

Top de Marketing 2019 da ADVB-PR

Foi prorrogado o prazo de inscrições para o Top de Marketing ADVB-PR 2019. Os cases para a maior premiação do setor de marketing e vendas do Estado agora poderão ser feitas até às 23h do dia 10 de outubro.

Com o tema Inovação – “o que os outros ainda não pensaram você já está fazendo”, a premiação consagra os melhores cases do biênio 2018/2019 nas categorias Comunicação, Indústria, Serviços, Social, Startup e PME e Varejo.

A grande festa que irá consagrar e revelar os vencedores acontece no dia 13 de novembro, no Teatro Positivo, com grandes atrações.

As inscrições para o Top de Marketing ADVB-PR 2019 podem ser feitas no site: http://www.advbpr.com.br/topdemarketing2019/. Nesse endereço é possível encontrar o regulamento com todas as regras para esta edição do prêmio.

Festival de Inovação em Curitiba

O maior festival de inovação de Curitiba , o Amcham Talks, será realizado na quinta-feira, 3 de outubro. O evento, que será gratuito e acontecerá em todos os pisos do Pátio Batel, é promovido pela Amcham Curitiba (Câmara Americana de Comércio) em formato inédito na cidade.

Os participantes vão poder conferir, durante dez horas de evento, 40 atividades que incluem palestras com grandes especialistas, talk shows com executivos, workshops com líderes, fast talks e aquários com formato colaborativo.

Entre os palestrantes estarão presentes: o Head de Inovação 3M, Luiz Serafim, Diretor de Estratégias de Inovação da Embraer, Sandro Valeri, Head de Inovação e Novos Negócios da Faber Caster, Pavlos Dias, e outros.

O Amcham Talks quer conectar as principais tendências e temáticas que estão transformando negócios e pessoas por meio de experiências de capacitação, entretenimento, networking e educação. O objetivo é promover o diálogo aberto entre várias áreas do mercado, incentivando a criatividade e produtividade.

‘‘Tudo está sendo pensado para que haja interação do público com os participantes de todas as formas. Há muito para ser dito para gerar e promover inovação e o Amcham Talks é exatamente o local para isso”, explica o gerente regional da Amcham Curitiba, Gustavo Silvino.

O Amcham Talks é um evento gratuito, patrocinado pela Integralidade e apoiado pela Lactec e pelo Grupo Band. A inscrição pode ser feita pelo link www.amcham.com.br/talks ou pelo e-mail curitiba@amchambrasil.com.br.