A Promotoria de Justiça de Salto do Lontra, no Sudoeste paranaense, expediu nesta sexta-feira, 28 de setembro, recomendação administrativa dirigida aos prefeitos, presidentes das câmaras de vereadores, diretores de escolas públicas e dirigentes de órgãos públicos, bem como dirigentes partidários e coordenadores de campanha de todos os municípios da comarca (Salto do Lontra, Nova Esperança do Sudoeste e Nova Prata do Iguaçu, que compõem a 162ª Zona Eleitoral), alertando para práticas proibidas pela Lei 9.504/97, que estabelece as normas para as eleições. O objetivo é coibir práticas relativas ao abuso do poder político.

O documento foi emitido após a Promotoria de Justiça receber denúncia sobre infrações eleitorais que estariam sendo praticadas no município de Nova Prata do Iguaçu. Segundo informações recebidas pelo Ministério Público, servidores públicos locais e veículos oficiais estariam sendo utilizados para a divulgação de atos de campanha de candidato local ao cargo de deputado.

Além de expedir a recomendação, o MPPR instaurou notícia de fato para verificar as denúncias.

 

Fonte: www.comunicacao.mppr.mp.br

COMPARTILHAR
AnteriorRegulação da mídia
PróximoCharge 02-10-2018