Meber Metais cresce e projeta 2019 positivo. Foto: Guilherme Jordani

As vendas de metais sanitários assinados pela Meber (Bento Gonçalves-RS) renderam à empresa gaúcha – que é, hoje, uma das quatro principais fabricantes do país nesse segmento – faturamento de R$ 70 milhões em 2018. O desempenho superou o registrado no ano anterior, cravando crescimento de 7% para a marca no comparativo do ano passado com relação a 2017. Em destaque, a expansão de vendas para o Paraná, que aumentou 39%, e a projeção no mercado da região Nordeste – ali, as vendas subiram 26%.
Puxando os números para a trajetória ascendente, aparecem fatores como os investimentos no desenvolvimento de um mix de produtos diferenciado, permanentemente incrementado por lançamentos exclusivos, e o foco em fortalecimento de presença da marca no varejo, com um intenso trabalho de ampliação da visibilidade e ações promocionais no ponto de venda. “Mesmo em um ano de instabilidade, como foi 2018, não nos retraímos. Pelo contrário, cumprimos um planejamento estratégico consistente, direcionado para a ampliação dos negócios, e conquistamos resultados bons. Acompanhamos o mercado e estendemos nossa participação”, avalia o diretor, Carlos Bertuol.

Os números consolidados pela Meber em 2018 seguem a tendência do setor em âmbito nacional. Dados apontados pela Anamaco (Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção) sinalizam que o segmento teve expansão de 6,5% nos negócios em 2018 – confirmando as percepções de retomada no ramo da construção civil.

Os resultados registrados permitiram a empresa traçar um planejamento positivo para 2019 – a meta é mais ousada e almeja crescimento de 12% neste ano, atingindo faturamento de R$ 79 milhões. Atualmente, a Meber é líder de mercado no Rio Grande do Sul, mas também atua em todas as regiões do país. Seus metais são comercializados em mais de quatro mil pontos de venda, alocados em todo o território nacional.