O Governo Estadual entregou ontem um novo lote de equipamentos para qualificar a estrutura da Maternidade Humberto Carrano, na Lapa. O investimento é de quase R$ 100 mil e melhora as condições de assistência a gestantes e bebês vinculados ao Sistema Único de Saúde.
A unidade, que antigamente era referência para atender somente a demanda da cidade, agora também tem feito partos de gestantes de Fazenda Rio Grande.

“Este é um serviço de excelência que tem dado uma resposta importante para a rede pública de saúde. Com mais estrutura, esperamos que as gestantes sejam atendidas com ainda mais conforto e segurança”, disse o secretário estadual da Saúde, Michele Caputo Neto, que fez a entrega dos equipamentos.

Atualmente, a maternidade da Lapa conta com 19 leitos de internamento. Ao todo, são realizados cerca de 70 partos por mês. A maioria diz respeito a gestações de risco habitual e risco intermediário. “Mais uma ação da Rede Mãe Paranaense. Todo este trabalho tem dado resultado, com destaque para a redução da mortalidade materna e infantil. Hoje nossos índices chegam próximos a níveis de países desenvolvidos”, explica o secretário.

Entre os equipamentos entregues à maternidade nesta terça estão ventilador mecânico, monitor multiparamétrico, carrinho de emergência, cama para parto, monitor fetal e aspirador cirúrgico. De acordo com o diretor da unidade, Miguel Wille Júnior, os aparelhos darão suporte ao atendimento de casos mais graves e que necessitam de uma assistência especializada.

“Recentemente, tivemos dificuldades para fazer a transferência de uma criança que teve intercorrências no parto. Como não tínhamos um respirador, foi preciso usar um aparelho manual na ambulância. Com esse ventilador mecânico que recebemos, isso agora é coisa do passado”, declarou o diretor.

Para o secretário de saúde da Lapa, Rui Wiedmer, o apoio do Governo do Estado tem sido essencial para fortalecer a rede pública de saúde da cidade. “São investimentos para obras em unidades de saúde, compra de ambulâncias, mutirão de cirurgias e também para a construção do tão aguardado centro de diagnóstico por imagem. Com o Estado, estamos promovendo uma grande transformação na saúde da Lapa”, enfatizou.