Nesta quarta-feira (10/2), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, empossou Luiz Paulo Barreto no Ministério da Justiça. A solenidade aconteceu no Centro Cultural Banco do Brasil

Nesta quarta-feira (10/2), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, empossou Luiz Paulo Barreto no Ministério da Justiça. A solenidade aconteceu no Centro Cultural Banco do Brasil, sede provisória da Presidência da República, em Brasília.

Durante o discurso na cerimônia de posse, Lula afirmou que o Barreto dará continuidade a um trabalho já consolidado durante gestão do ex-titular Tarso Genro. “Criamos uma estrutura mais profissional no Ministério, houve uma melhoria substancial na relação salarial e criamos situação favorável na Policial Federal de reconhecimento do trabalho e também da recomposição salarial”, disse o presidente.

Descontraído, o presidente brincou sobre a saída de Tarso Genro, que abandonou o cargo para concorrer ao governo do Rio Grande do Sul nas eleições de outubro. “Quando o ministro diz que quer sair porque é candidato, esse é o momento menos sofrível”, disse.

Lula ainda elogiou Barreto receberá um Ministério melhor do que Márcio Thomaz Bastos, ex-ministro antecessor a Tarso Genro, encontrou na sua posse: “Luiz Paulo vai herdar um Ministério, certamente, melhor do que o Márcio herdou. Certamente, o Tarso já herdou um pouco melhor do que quando o Márcio entrou. E obviamente que o Luiz Paulo vai pegar o Ministério num momento, eu diria, muito importante”.

Estiveram presentes autoridades como os presidentes da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP), do Senado, José Sarney (PMDB-AP) e do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes.