De nada adianta a lei quando as pessoas defendem a corrupção como uma maneira de solucionar seus problemas, hábito que é nitidamente percebido na cultura brasileira. Os corações precisam mudar! As leis já estão na Constituição, já fazem o seu papel. Basta, agora, cada cidadão fazer a sua parte diariamente, seja dentro ou fora de casa. Governantes com sabedoria deveriam existir aos montes. Mas, infelizmente, eles são poucos. Se o Brasil quer melhorar sua situação social, política e econômica, o povo precisa mudar e retirar os maus hábitos da sua rotina.
A cada dia, mais e mais notícias de denúncias envolvendo políticos atuais e anteriores preenchem os jornais e deixam indignada a parcela honesta da população. É absurdo o fato de que a corrupção tomou conta de todas as esferas do poder público. Nada escapa! Do mais simples órgão municipal a mais poderosa empresa estatal do país, os esquemas ilícitos tornaram-se a mais simples e corriqueira rotina, aceita abertamente como parte dos processos de trabalho. Para mudar isso, somente uma transformação radical e profunda na maneira de se pensar sobre a necessidade do cumprimento da lei.