Meninas e meninos entre 11 e 16 anos (dizem que tem fãs com mais idade no fã clube) devem  ficara postos nas bilheterias dos cinemas: nesta quinta-feira estreia Eu Sou Mais Eu, com a youtuber curitibana Kéfera Buchman, tchan, tchan, tchan.  Depois de É Fada e Gosto se Discute, ela chega às telas de 516 salas de  442 cinemas do país.

Agora, a curitibana de quase 30 anos não só faz papel de uma adolescente como também dá uma de cantora. Ela interpreta uma popstar, Camila Mendes, que esbanja arrogância. Às vésperas de uma turnê internacional. ela não consegue deter uma fã (Marcella Rica), que entra em sua luxuosa casa para fazer uma selfie. Mas algo inusitado acontece: Camila faz uma viagem no tempo e volta à escola, onde seu único amigo é Cabeça (João Côrtes), que tentará ajudá-la a encontrar seu verdadeiro eu (razão do título do filme), e a chave para voltar ao futuro.

O melhor dessa comédia envolve uma surucucu que descansa em paz num vidro de formol, cujo humor menos bobinho sinaliza uma vertente a considerar na prodigiosa carreira de Kéfera Buchman, afinal, agora também produtora de seu próprio filme. E se presenteia com seu melhor trabalho até agora. Presente, sim: ela faz aniversário (27 anos) um dia depois da estreia nacional de Eu Sou Mais Eu.