O ex-deputado federal Jean Wyllys, que renunciou ao cargo por supostamente sofrer ameaças, dará aulas em Harvard, nos EUA, considerada uma das melhores universidades do mundo.

Segundo O Antagonista, Wyllys fará residência no departamento de estudos afro-latino-americanos. O tema será “fake news e discursos de ódio contra minorias sexuais e étnicas”. Ele também dará aulas sobre isso. A pesquisa seria financiada pela Open Society Foundations, uma instituição financiada por George Soros.