De acordo com a paisagista, o casal desejava incorporar a piscina entre a casa, a churrasqueira e o salão de festas, os quais ficam na parte posterior do terreno
De acordo com a paisagista, o casal desejava incorporar a piscina entre a casa, a churrasqueira e o salão de festas, os quais ficam na parte posterior do terreno

Os encontros e as comemorações ao ar livre estão entre as mais prazerosas formas de lazer.  E, nada melhor do que uma piscina em um espaço multifuncional para reunir amigos e familiares, especialmente se as crianças estiverem por perto. Foi seguindo esse conceito que os paisagistas Nadia Bentz e Vanderlan Farias realizaram o projeto solicitado por um casal de empresários, que desejava acomodar toda a família em uma ampla área de lazer integrado.

Como os pontos principais do projeto são a piscina, executada pela Igarapé Piscinas, e o SPA, da Água Nativa, a dupla optou por levar uma característica levemente tropical e contemporânea ao espaço. “As palmeiras, decks e mobiliário trazem o clima de oásis, já o desenho de linhas simples da piscina reforça o aspecto contemporâneo do ambiente”, explica Nadia Bentz.

De acordo com a paisagista, o casal desejava incorporar a piscina entre a casa, a churrasqueira e o salão de festas, os mat1bquais ficam na parte posterior do terreno. “A ideia era que todo esse espaço fosse integrado, criando uma ampla área de lazer, bastante convidativa para quem está na área social (estar e jantar), no interior da residência”, complementa.

Em todo o projeto, o qual possui aproximadamente 300 m², foram utilizadas cores sóbrias e neutras para harmonizar com a arquitetura da casa, com exceção da piscina. “Com 55 m² em média, ela recebeu pastilhas em um azul intenso e iluminação em LED RGB o qual produz dezenas de combinações de cores, com a intenção de destacar ainda mais a piscina. Nas áreas de convivência e demarcação, o projeto recebeu LED em tons entre o branco quente e o branco frio, utilizado nas vegetações, a fim de dar leveza visual como um todo”, complementa Nadia.

Élio Dainer Schneider, diretor da Igarapé Piscinas conta que a obra como um todo, realizada em um período de cinco meses, contado do início da adaptação do espaço até a implantação do paisagismo, correu sem problemas. “A execução era um receio dos moradores, mas houve uma parceria harmoniosa entre os paisagistas, o engenheiro e os profissionais da Igarapé, o que resultou na satisfação total dos clientes”, finaliza.