HONG KONG (Reuters) – Os índices acionários da China recuaram nesta terça-feira, após dados mostrarem que os bancos concederam novos empréstimos menos do que o esperado em julho.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, cai 0,9%, enquanto o índice de Xangai teve queda de 0,63%.

O subíndice do setor financeiro perdeu 1,4%, o de consumo caiu 0,5%, o imobiliário teve queda de 1,1% e o de saúde recuou 0,2%.

Os bancos chineses cederam 1,06 trilhão de iuanes (150,06 bilhões de dólares) em novos empréstimos em julho, abaixo da marca de junho e das expectativas de analistas, de acordo com dados divulgados pelo Banco do Povo da China na segunda-feira.

Analistas esperam que o governo conceda mais afrouxamento monetário para fomentar o crescimento. “Os investidores com os quais conversamos ainda não estão convencidos de que as medidas de afrouxamento anunciadas vão elevar o consumo e os investimentos”, disse a estrategista do UBS China Wendy Liu.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 1,11%, a 20.455 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 2,10%, a 25.281 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,63%, a 2.797 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,90%, a 3.665 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,85%, a 1.925 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 1,05%, a 10.362 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,70%, a 3.146 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,33%, a 6.568 pontos.

Fonte: Reuters