O governador Carlos Massa Ratinho Junior e o diretor do Detran, Cezar Kogut, autorizam repasse do Detran para municípios realizarem obras de sinalização nas cidades. Foto: Arnaldo Alves / ANPr

O governador Carlos Massa Ratinho Junior assinou nesta quarta-feira (14), no Palácio Iguaçu, a liberação de R$ 6 milhões para obras de sinalização viária em 39 cidades paranaenses. A iniciativa faz parte de um programa do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) para regulamentar a circulação de veículos e pedestres.

Os recursos serão aplicados na aquisição de placas, pintura de faixas de pedestres e dispositivos de sinalização viária e estavam represados desde 2016.

A parceria com as prefeituras, afirmou Ratinho Junior, visa conter uma epidemia de acidentes e atende determinações do Código de Trânsito. “A sinalização é extremamente importante para levar segurança para o trânsito, para o motorista e o pedestre, principalmente em municípios que não conseguem separar recursos para modernização viária”, afirmou. “O Brasil é um dos países que mais mata no trânsito, então queremos tornar o Paraná uma referência em segurança e sinalização”.

Segundo dados do Ministério da Saúde, divulgados neste ano, acidentes de trânsito deixaram mais de 1,6 milhão de brasileiros feridos nos últimos dez anos e representaram custo de cerca de R$ 2,9 bilhões para o Sistema Único de Saúde (SUS). No Paraná, mortes no trânsito superaram os óbitos decorrentes de crimes hediondos em 2018.

Ratinho Junior também destacou que o intuito é ampliar esse programa para atingir todos os municípios do Paraná e que isso será possível graças a economias de R$ 24 milhões na estrutura do Detran apenas neste ano. “É o primeiro pacote de investimentos para as cidades, mas a ideia é ampliar. Isso será acompanhado de um grande programa de educação no trânsito para as crianças nas escolas. Nada mais inteligente do que o Detran e as prefeituras modernizarem o trânsito para evitar mortes e acidentes”, complementou.

Os valores aplicados no programa foram divididos de acordo com a população de cada município. Cidades com até 15 mil habitantes receberam R$ 145 mil; as que possuem entre 15 mil e 30 mil habitantes receberam R$ 240 mil, e aquelas com mais de 30 mil moradores alcançaram R$ 300 mil.

O diretor-geral do Detran, Cesar Vinicius Kogut, disse que o programa contempla um tripé que engloba engenharia, sinalização e educação. O órgão investiu R$ 700 mil em projetos para executar o programa.

As 39 cidades beneficiadas com a assinatura do novo convênio nesta quarta-feira foram Boa Esperança, Bom Sucesso do Sul, Capanema, Centenário do Sul, Cianorte, Clevelândia, Douradina, Entre Rios do Oeste, Esperança Nova, Foz do Jordão, Francisco Alves, Guaíra, Indianópolis, Itaperuçu, Ivaí, Jaguapitã, Joaquim Távora, Lupionópolis, Mallet, Mato Rico, Mauá da Serra, Munhoz de Mello, Nova Fátima, Nova Laranjeiras, Pato Bragado, Perobal, Porto Vitória, Presidente Castelo Branco, Quarto Centenário, Rancho Alegre D’Oeste, Rio Branco do Sul, Roncador, Rosário do Ivaí, São Pedro do Iguaçu, Sertanópolis, Teixeira Soares, Tunas do Paraná, Tuneiras do Oeste e Xambrê.

Estiveram presentes na cerimônia o vice-governador Darci Piana; o chefe da Casa Civil, Guto Silva; o sub-chefe da Casa Civil, Alexandre Guimarães; os deputados estaduais Hussein Bakri (líder do Governo), Ademar Traiano, Tiago Amaral, Galo, Emerson Bacil, Nelson Luersen, Paulo Litro, Alexandre Curi, Francisco Buhrer, Soldado Adriano José, Dr. Batista, Elio Rusch, Delegado Jacovós, Artagão Júnior, Jonas Guimarães, Marcel Micheletto e Cobra Repórter; além dos prefeitos dos municípios contemplados.