Do decantado espetáculo de 1975 surge Gota d’água [a seco], que condensa a história original do casal Joana e Jasão, escrita por Paulo Pontes e Chico Buarque. Com a atriz/cantora Laila Garin e Alejandro Claveaux no elenco, a adaptação é de Rafael Gomes e Pedro Luís (Monobloco) assina a direção musical. Em cena durante todo o espetáculo, também os músicos Antônia Adnet, Dudu Oliveira, Elcio Cáfaro, Marcelo Muller e Pedro Silveira. A peça estreou em 2017 e, com treze prêmios na bagagem, viaja pelo país, tendo agenda em Curitiba neste fim de semana.

Famosa pelo tom de protesto da época da ditadura militar que assolou o Brasil e pela interpretação revolucionária de Bibi Ferreira, a peça nessa atual versão concentra-se no drama do casal Joana e Jasão, pinçado da tragédia Medeia, de Eurípedes.  Rafael Gomes lembra que a remontagem permanece focada em sua natureza política, que se revela sempre “cruelmente atual”.

Lembrando: Jasão é um compositor popular que larga Joana para se casar com a filha do milionário Creonte, que o ajuda a fazer sucesso. A trama passional, que culmina na terrível vingança de Joana, tem como pano de fundo as injustiças sociais pelas quais os moradores de um conjunto-habitacional, onde Joana mora, passam por culpa da exploração de Creonte, o poderoso do subúrbio carioca, espaço na vida real dominado por milicianos.

Detalhe: Pedro Luís acrescentou à trilha três músicas de Chico ausentes da montagem original – Cálice (liberada pela censura militar em 1978), Pedaço de Mim (da Ópera do Malandro, composta em tributo à Zuzu Angel, cuja dor acaba de ser imortalizada também no enredo da Mangueira) e Mulheres de Atenas (libelo contra a opressão de fundo feminista, composição de 1976).

Com sua interpretação, Laila Garin, já celebrada no musical Elis, emociona a plateia às lágrimas. Dos treze prêmios da peça, cinco são de melhor atriz. A destacar também para a cenografia de André Cortez  e a luz de Wagner Antônio, também premiadas.

Imperdível: Guairão, neste sábado dia 9, às 21h e no domingo às 19h, no Impróprio para menores de 14 anos. Ingressos a 100/ 50, 80/40, 60/30 e 40/20 reais. Patrocínio exclusivo da BB Seguros.