O governo dos Estados Unidos não vão mais apoiar o Brasil para o ingresso na OCDE (Organização de Cooperação e de Desenvolvimento Econômico), diz agência de notícias Bloomberg.
O secretário de Estado, Michael Pompeo, rejeitou o pedido de discutir a entrada do Brasil no clube dos países mais ricos do mundo de acordo com uma carta que foi enviada ao secretário-geral da OCDE, Angel Gurria, no dia 28 de agosto e que a Bloomberg teve acesso.
Ele acrescentou que os Estados Unidos apoiam só a Argentina e a Romênia.