FOLHAPRESS – A Caixa Econômica Federal promoverá, a partir desta segunda-feira (7), uma semana de conciliação para correntistas negociarem suas dívidas com o banco.
A instituição prevê descontos de até 90% caso o cliente pague à vista, além de outras condições para quitar as dívidas. A campanha vai até o dia 11 de outubro.
Segundo o banco, 120 mil clientes poderão se beneficiar. De 71 mil pessoas físicas, cerca de 25% poderão liquidar dívidas à vista com valores de até R$ 1.000.
Entre as 50 mil empresas com pendências, diz a instituição, 44% poderão pagá-las, quando são de no máximo R$ 10 mil, de só uma vez.
Correntistas que receberem o convite para a iniciativa do banco serão atendidos nas agências ou em determinadas varas da Justiça Federal. Uma lista completa dos locais pode ser consultada no site da Caixa (www.caixa.gov.br).
Com a campanha de conciliação, o banco afirma que pretende dar fim a contestações judiciais movidas contra ele. A retirada de restrições a crédito dos clientes poderá levar à retomada do poder de compra e pagamento no mercado, segundo a instituição.
De acordo com a Caixa, a semana de conciliação é parte da campanha batizada “Você no Azul”, que começou em junho, para quem tem dívidas com mais de um ano de atraso.
O banco afirma que 276 mil clientes regularizaram a situação e quitaram R$ 2,4 bilhões.
Na ação lançada no meio deste ano pela Caixa, empresas podem parcelar dívidas em até 96 meses.
O cliente também pode pausar o pagamento de uma prestação vencida ou a vencer, renegociar a pendência e aumentar os prazos.
Em contratos habitacionais, a Caixa diz que é possível pagar uma entrada e incorporar as demais parcelas em atraso.
Além disso, nessa modalidade, os clientes podem fazer um acordo com pagamento inicial ou usar o saldo do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) para diminuir em até 80% o valor de 12 prestações.
A ação “Você no Azul” vai até 31 de dezembro deste ano.