Em mostra paralela ao Museu Oscar Niemeyer (Da Matéria do Mundo), a Sim Galeria apresenta os mais recentes trabalhos da artista plástica Eliane Prolik, curitibana de aparência frágil, mas dona de uma fortaleza artística expressa em fabulosas teias de metal. A exposição pop-up Mira e Múltiplos abre nesta quarta dia 5, com a série inédita de esculturas de mesa intitulada Mira e dois múltiplos que articulam elementos geométricos, luminosos e ópticos. Também fazem parte do acervo os Tapumes (2013), uma espécie de labirinto, além de Brise (2014), composta por esculturas suspensas.

Mira (2013/2014), exibida na feira ArtRio e adquirida para o acervo do MAR- Museu de Arte do Rio. “É uma obra muito interessante, em que há um aspecto reflexivo. Nessa escultura, você busca o horizonte ao mesmo tempo em que se vê”, explica Guilherme Simões de Assis, diretor da Sim Galeria, que representa a artista com exclusividade.

Atenção: em cartaz apenas até dia 11 próximo. Alameda Pres. Taunay, 130 A.