SÃO PAULO (Reuters) – O dólar subia levemente ante o real na abertura do pregão desta terça-feira, com cautela ainda predominando no exterior ligada à disputa comercial entre Estados Unidos e China e ao resultado das eleições primárias na Argentina, e tendo como pano de fundo eventual anúncio de medidas econômicas no cenário doméstico.

Às 9:06, o dólar avançava 0,21%, a 3,9921 reais na venda.

Na véspera, o dólar fechou em alta de 1,06%, a 3,9837 reais na venda, tendo superado durante o pregão a marca psicológica de 4 reais pela primeira vez desde o fim de maio.

O dólar futuro de maior liquidez avançava por volta de 0,2% neste pregão.

O Banco Central realiza nesta sessão leilão de até 11 mil contratos de swap cambial tradicional, correspondentes à venda futura de dólares, para rolagem do vencimento outubro de 2019.

Fonte: Reuters