Curso em feiras ensina como fazer uso integral de alimentos

4551
Durante os cursos, os técnicos da secretaria orientam sobre como utilizar resíduos de sucos no preparo de outros pratos, como sopas e chás

A Unidade de Educação Alimentar da Secretaria Municipal de Abastecimento (SMAB) iniciou ontem um curso rápido, com duração de 15 minutos cada aula, para orientar os frequentadores de feiras-livres orgânicas sobre como utilizar integralmente os alimentos.

A ação será repetida  hoje na Feira Orgânica da Praça do Expedicionário e na quinta (6) na Praça do Japão, sempre das 8 horas ao meio-dia.

Durante os cursos, os técnicos da secretaria orientam sobre como utilizar resíduos de sucos no preparo de outros pratos, como sopas e chás. “Transmitimos os conceitos do uso integral de frutas e legumes com o aproveitamento dos resíduos de sucos, como da cenoura e da manga”, afirma a nutricionista responsável pela Unidade Móvel, Joice Ruthes, que realiza o trabalho de ação educativa em feiras e Armazéns da Família. Ela explica que o resíduo da cenoura, utilizada no suco, pode ser aproveitado no preparo do chá de cenoura e limão, em sopas e até em farofas, entre outras receitas.  Assim como o resíduo da couve, que pode ser utilizado em uma torta, e da manga que pode ser aproveitado em um chá de manga com maracujá. Todos os ingredientes dos sucos são utilizados com casca, que aproveita melhor o valor nutricional de cada produto sem perder nenhuma parte. 

“É muito importante essa iniciativa, a gente fica mais informada e aprende outras opções para misturar as frutas e os legumes.