O projeto Escola+Esporte=10 (EE10), da Secretaria Municipal do Esporte, Lazer e Juventude (Smelj), vai ofertar mais uma modalidade esportiva para crianças e adolescentes no contraturno escolar. O prefeito Rafael Greca e o triatleta curitibano Juraci Moreira anunciaram, nesta quinta-feira (29/8), o início das aulas gratuitas de triathlon para crianças e adolescentes.

As aulas serão feitas no Centro de Esporte e Lazer (CEL) Dirceu Graeser (Praça Oswaldo Cruz), Clube da Gente CIC e no Centro da Juventude Eucaliptos, no Alto Boqueirão. O triathlon é uma das modalidades mais completas do esporte e envolve natação, ciclismo e corrida.

Dois curitibinhas campeões de triathlon também participaram do lançamento da nova modalidade do EE10. Eles já são exemplos a serem seguidos por outras crianças que vão começar no esporte. Leonardo Santos, 10 anos, é bicampeão brasileiro de triathlon, e Henrique Alberto Padilha Mendes, 15, é vice-campeão brasileiro de triathlon.

Henrique também é campeão nacional de física, matemática, astronomia e astrofísica.

“Ele é um intelectual e esportista. Curitiba é uma cidade de campeões”, disse o prefeito Rafael Greca.

Juraci Moreira explicou que esse é foco do projeto de triathlon no EE10: unir o esporte e educação. “Não buscamos só medalhas. Queremos que as crianças vão bem na escola também”, disse Moreira.

Os triatletas Leonardo Santos e Henrique Mendes participaram da reunião acompanhados dos pais Eduardo Espindola e José Mário Mendes.

Escolinha de triathlon
Inicialmente serão atendidos cerca de 120 crianças e adolescentes, de 7 a 17 anos, nas aulas de triathlon na Praça Oswaldo Cruz, Clube da Gente CIC, e no Centro da Juventude Eucaliptos, no Alto Boqueirão. O projeto será feito em parceria com a Federação Paranaense de Triatlhon que vai oferecer uniformes, bicicletas e equipamentos de treinamento.

Juraci Moreira Junior é curitibano e teve três participações em Olímpiadas: Sidney (2002), Atenas (2004) e Pequim (2008). O triatleta conquistou a medalha de bronze nos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro, em 2007.

29 modalidades
Com a entrada do triatlhon, o EE10 passa a contar com 29 modalidades esportivas diferentes. As aulas são ofertadas em 70 locais da cidade, entre centros esportivos da Prefeitura e espaços privados (por meio de parcerias com instituições e federações).

O projeto atende cerca de 14 mil crianças e adolescentes com aulas esportivas gratuitas no contraturno escolar. Jovens que se destacam no EE10 são encaminhados para as seleções de desempenho da Smelj e começam a participar de competições.

Apoio
A escolinha de triathlon de Curitiba também terá apoio da Electrolux, Instituto Joanir Zonta, Tradener Comercialização de Energia, e as empresas Astra e Castelo. O coordenador do projeto em Curitiba será o professor Ricardo Junior Cardoso.

Também acompanharam o anúncio da escolinha de triathlon de Curitiba o secretário municipal do Esporte, Lazer e Juventude, Emilio Trautwein, o diretor de Esportes, Carlos Pijak Jr., o gestor público da Smelj, Hideo Garcia, e a assessora do gabinete do prefeito, Cynthia Juraszek Maia Batista.