Coritiba venceu nesta terça-feira (16), o São Bento, no Couto Pereira, pela décima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O jogo se encaminhava para o empate quando Rafinha decretou a vitória por 2×1.

O Coxa está com uma campanha irregular na competição e precisava vencer. A partida já começou tensa com Wilson tendo que se virar aos três minutos para tirar a bola de qualquer jeito da grande área. Como recebeu a bola em recuo, o árbitro marcou uma cobrança de falta a favor do São Bento. Era uma grande chance para os visitantes, que desperdiçaram.

Pressionando muito o Verdão, não demorou para que o São Bento abrisse o placar. Aos 11 minutos, a bola sobrou para Doriva que da entrada da área chutou firme e abriu o marcador.

Aos 16 minutos William Matheus teve uma grande chance de igualar. Luiz Henrique fez um lançamento longo e o lateral saiu na cara do gol. Ele tentou dar um toque para encobrir o goleiro Henal, mas a bola foi para fora.

O Coxa tinha mais posse de bola e se lançava mais ao ataque, mas era desatento nas finalizações. O time teve oportunidade de converter duas cobranças de falta na entrada da área, mas as jogadas ficaram muito longe de criar perigo para o adversário.

Sem conseguir fazer sua parte, o Coritiba se mostrava cada vez mais nervoso e longe de apresentar qualidade para reverter a desvantagem. O primeiro tempo acabou e o time saiu de campo debaixo de vaias, de gritos de ‘time sem-vergonha’ e xingamentos ao presidente Samir Namur.

Na volta para a segunda etapa, o goleiro Alex Muralha teve oportunidade de estrear na Série B 2019. Wilson sentiu uma lesão na coxa e precisou sair.

O São Bento, que luta para sair e se distanciar da zona de rebaixamento, gostava da partida e tentava ampliar. Não se acovardando o time do interior paulista foi pra cima, mas acabou abrindo espaço para o Coxa chegar. Foi na insistência que o Coritiba conseguiu o gol de empate. Aos 16 minutos o Alviverde mandou para o fundo das redes com um gol que poderia ser invalidado.

Robson cruzou na área, Rodrigão tentou de cabeça, mas a bola bateu na mão do centroavante e entrou no cantinho direito do goleiro Henal. O juiz não apontou a irregularidade e o jogador chegou ao seu oitavo gol na Série B, firmando-se na artilharia da competição.

O gol deu ao Verdão um gás a mais para buscar a virada, mas tudo já se encaminhava para o empate. Foi então que brilhou a estrela do meia Rafinha que, mesmo sentindo uma contusão, aproveitou o toque de Rodrigão e marcou um golaço.

Com informações do site tribunapr.com.br e foto fb.com/coritibaoficial