| Assine o Diário da Indústria & Comércio | Login |

Mulheres, cuidado

A notícia não é nova, MULHERES QUE CAEM NOS GOLPES DE HOMENS QUE CONHECEM NAS REDES SOCIAIS, mas as vítimas são recentes. Recentemente mais um...

FALSO SEQUESTRO

O golpe do falso sequestro apesar de já ser considerado um golpe antigo ainda faz muitas vítimas. Os golpistas que em sua grande maioria...

Socorro – Chamem os “direitos humanos”!

É comum ao ouvirmos uma notícia sobre algo que se refere a segurança, e se nessa notícia, algum dos marginais se ferir ou for...

Liberdade para quem?

Li um texto do Gen. Chagas muito interessante e resolvi compilar aquilo que considerei mais interessante, mesclando o meu pensamento nesse texto. Hoje estamos vivemos...

Para refletir – Liberdade para quem?

Li um texto do Gen. Chagas muito interessante e resolvi compilar aquilo que considerei mais interessante, mesclando o meu pensamento nesse texto. Hoje estamos vivemos...

Seja bem vindo policial!

Esse cartaz colocado em comércios do bairro Água Verde, gerou muita polêmica, inclusive a nível nacional. A iniciativa é boa, mas o ideal é que...

Sou menor! Conheço meus direitos

Sou da opinião de que todos devem ser tratados da mesma forma, desde que todos façam o que deve ser feito, ou seja, trabalhar,...

Insegurança no condomínio

O condomínio, quer seja ele horizontal ou vertical, se tornou o sonho de consumo das pessoas pela segurança que passava aos seus moradores. Infelizmente essa...

INDUSTRIA DA MULTA

Durante minha carreira militar, comandei diversas unidades militares, fui inclusive Comandante do Batalhão de Trânsito e sempre fui rigoroso em cumprir as leis, mas...

Posso dar uma caminhada?

Para muitas pessoas o que era uma atividade corriqueira, e sem nenhuma preocupação, passou a ser um problema e momentos de medo e insegurança. Todos...

Assalto com hora marcada

A cada dia os marginais encontram um novo método para cometerem seus crimes. Agora sem saber, a vítima está agendando o horário do assalto. Uma...

Direito de ir e vir

Vivemos num mundo do politicamente correto, onde as pessoas perderam a liberdade de expressar o que sentem ou querem comentar. Primeiro tem que se analisar...