Carnes na parrilla

 Voltado às carnes assadas ao estilo argentino e uruguaio. o Parrilla 909 é a novidade da Mercadoteca. O novo restaurante é o caçula do grupo (M)eat, dono do Smoking Pit, especializado no churrasco ao estilo texano com carnes defumadas, já instalado no primeiro espaço de Curitiba com várias operações de comes&bebes.

A parrilla é uma churrasqueira muito utilizada pelos argentinos e uruguaios, cujas grelhas reaproveitam o sumo da carne e a brasa fica mais próxima da carne, garantindo um sabor inigualável.

No almoço, de terça a sexta, as quatro carnes básicas da casa – Ancho, Assado de Tira, Chorizo e Picanha –  são servidas em cortes de 150 gramas, acompanhadas por arroz (carreteiro ou branco), maionese e farofa de alho, a preços que vão de 40 a 44 reais, variando de acordo com a carne escolhida.No 909, as carnes são importadas do Uruguai, com cortes de alta qualidade da raça bovina Angus.

A equipe da casa é bem feminina. No comando das parrillas está a a chef assadora Maria Fernanda Nowakowski, que prepara um saboroso assado de tira da parte dianteira da costela, além da popular picanha. Mas são imperdíveis o ancho e o chorizo.

Contudo, é de se permitir uma experiência: Entraña, que vem a ser diafragma bovino, aqui temperado com chimi-churri e servido com farofa de alho. “O diafragma é uma carne muito suculenta. Na Argentina e Uruguai é muito consumida e acreditamos que agora chegou a hora de o brasileiro conhecê-la melhor”, diz Alyne Ribas, sócia do (M)eat com Marcos Camargo, chef defumador do The Smoking Pit. O número 909 também é familiar – homenagem os filhos do casal, aniversariantes em 9 de setembro, nascidos em anos diferentes.

Anote: Rua Paulo Gorski, 1309 – Mossunguê. Abre de terça-feira a sábado das 11h às 23h, domingo das 10h às 18h.