Sábado marca a data indicativa de 500 dias até a cerimônia de abertura dos Jogos Paralímpicos de 2020, que será realizada no novo estádio nacional em Tóquio.

A partir de 25 de agosto do próximo ano, atletas vão competir em 22 modalidades esportivas no decorrer de 13 dias.

A recordista mundial da maratona para atletas com deficiência visual, Misato Michishita, vai competir em Londres posteriormente este mês em busca de uma vaga classificatória para Tóquio.

Ainda este ano, 14 atletas japoneses disputarão o Campeonato Mundial de Natação Paralímpica, incluindo Keiichi Kimura, um astro do esporte.

O Comitê Paralímpico do Japão investiu pesadamente em treinamentos após os atletas do país pela primeira vez não terem conseguido conquistar medalhas de ouro na Paralimpíada de 2016 no Rio de Janeiro. O órgão estabeleceu uma meta de 22 medalhas de ouro para os Jogos Paralímpicos de Tóquio, visando alcançar pelo menos a sétima colocação no ranking de países.

No sábado, o comitê organizador divulgou 23 símbolos ilustrativos para as 22 modalidades esportivas. O comitê também havia encomendado cartazes especiais.

Com informações da CCIBJ e NHK