Carnaval e Camboa em Paranaguá

1248

As cidades portuárias geralmente têm, por tradição, um carnaval animado. É o caso da paranaense Paranaguá, que já neste sábado 9 programa o baile Gala Gay e a eleição do Cortejo Real 2019, agendado para o Clube Literário Campestre, às 20h. E a cidade tem um hotel, bem localizado e bem equipado, para receber foliões e também turistas que só querem sossego – o Camboa.

Paranaguá, com 370 anos, até será homenageada na capital: no desfile das escolas de samba de Curitiba, a Embaixadores da Alegria, no alto de seus 70 anos, vai levar 400 componentes desenvolvendo o enredo sobre o porto, cultura e lendas de Paranaguá, “berço da civilização paranaense”.

Continuando com a programação da folia na cidade, situada a 110 km de Curitiba, o Banho de Mar à Fantasia, uma tradição de setenta anos, será no dia 24, saindo da Praça do Guincho ao meio-dia. No dia 26, no final da tarde, haverá o desfile do Cortejo Real com a entrega da chave da cidade para o Rei Momo. Nesse mesmo dia e em primeiro de março haverá apresentação de Marchinhas Carnavalescas, na Praça Fernando Amaro, às 17h. O desfile das escolas de samba, o que melhor caracteriza o carnaval da cidade portuária, acontecerá na Praça de Eventos Mário Roque, a partir das 20h, nos dias 2 e 3. No dia 4, tem Bloco dos Sujos, às 20h, na mesma praça. E no dia 5, haverá o desfile das escolas campeãs.

A cidade merece ser conhecida por outros motivos: o Porto Dom Pedro II  data de 1935 e, como graneleiro, é o maior da América Latina; suas igrejas – a de São Benedito, belo exemplar do Brasil colonial; a de Nossa Senhora do Rosário, primeiro templo construído no Paraná; Santuário Nossa Senhora do Rocio e a barroca Ordem Terceira de São Francisco de Chagas –, o Mercado Municipal (são dois prédios, com box de artesanato, frutos do mar e restaurantes) e o Aquário Marinho, em que 26 recintos expõem exemplares de 200 invertebrados, tubarões, cardumes de peixinhos, corais, raias (as vedetes do acervo), répteis e os coloridos caranguejos do mangue.

De parada obrigatória, no Museu de Arqueologia e Etnologia da UFPR, o visitante vai acompanhar a cultura do povo Guarani Mbya em inédita  exposição (visitação  até 4 agosto) e conhecer o acervo permanente de folclore e folguedos da região. Em Paranaguá também se agenda passeios para a Ilha do Mel, além de ecoturismo e uma chegada à Ilha de Valadares, que se faz a pé, tranquilamente, atravessando a ponte na baía.

O próprio Hotel Camboa (tem ainda o Camboa de Antonina, onde também se tem carnaval, e fica próxima da cidade-porto) é uma atração turística: fica no centro histórico de Paranaguá e logo na recepção já se avista raríssimas cerâmicas do pernambucano Francisco Brennand calçando o piso da portaria, onde o hóspede é surpreendido com uma fonte. Nas paredes dos quartos se avistam telas de ilustres artistas paranaenses, como Calderari.

Camboa (nome dado ao lago à beira mar que aprisiona peixes na vazante da maré) é um hotel de bandeira familiar, dirigida por Eduardo Peretti Maranhão. E tem como gestor de operações o incansável Sílvio Rossi.

Bem arquitetado, em novo projeto de Leonice Peretti Maranhão, mãe de Eduardo, o hotel dispõe de 134 apartamentos e uma piscina, que comporta 500 mil litros de água, a maior instalada em hotéis da região. As acomodações são nos formatos single, duplo, twin e triplo. Dos 134 apartamentos, 95 ficam de frente para o jardim e 32 com vistas para a piscina. São 36 quartos com varanda e cinco suítes. Todos equipados com ar condicionado, Split, Sky, telefone, internet Wi-fi, cofre e secador de cabelo.

Ainda dispõe de auditório modulável (capacidade de 40 a 400 pessoas), equipe especializada, pista de caminhada, campo de futebol suíço, quadra de vôlei, slackline, academia, espaço do bebê e kids, play ground, piscina interna aquecida, sauna seca e a vapor e restaurante com capacidade para 160 pessoas, lavanderia e room service. O bar com mesa de sinuca no anexo abre das 15 às 23h. A recepção e portaria ficam à disposição dos hóspedes nas 24 horas do dia.

Para o carnaval, o pacote promocional inclui tarifas especiais de Carnaval no período de 1º a 5 de março, para o mínimo de duas diárias: R$ 425,00 (quarto single); R$ 500,00 (duplo); R$ 675,00 (triplo) e R$ 750,00 (suíte para duas pessoas). Uma criança no apartamento até 7 anos é cortesia e a segunda paga adicional de R$ 90,00.

Os valores incluem café da manhã, serviços de internet wi-fi, estacionamento, jantar no bufê livre e recreação para as crianças a partir de 4 anos e atividades para adultos. E olha que legal: Silvio Rossi informa que os hóspedes podem parcelar o pagamento no cartão de crédito em quatro vezes. E os não-hóspedes podem utilizar as áreas de lazer das 11 às 18h, por 70 reais, com direito ao estacionamento. O bar dentro da piscina  e serviço de alimentos e bebidas podem ser usufruídos  até 17 de fevereiro.

Rua João Estevão, s/nº – (41) 3420-5200

reservas@hotelcamboa.com.br

www.hotelcamboa.com.br