A Royal Canadian Mint, casa da moeda canadense, criou uma peça comemorativa bem diferente das tradicionais. A organização buscou um artista para moldar a peça que marca o Dia do Canadá, celebrado em 1º de julho.
A artista Alisha Giroux já havia apresentado um desenho seu em que o mapa canadense tinha um animal diferente para cada província. A Casa da Moeda decidiu abraçar a ideia e confeccionou a moeda no formato do mapa do país, segundo informa reportagem da CNN.
Serão vendidas 2.000 peças da moeda chamada “Paisagem Canadense”. Cada uma custa US$ 260 (mais de R$ 900). O valor é alto porque a moeda foi fabricada com prata pura, material de difícil manipulação.
“As moedas foram batidas e, então, as bordas foram moldadas antes que o desenho colorido fosse aplicado com muito cuidado. Tudo para garantir que estivesse alinhado perfeitamente com o relevo gravado”, disse Erica Maga, gerente de produto da Royal Canandian Mint.
A casa da moeda canadense já criou moedas em formatos diferentes. Já houve pelas quadradas e até que brilham no escuro. Maga disse que a Austrália é o único outro país que, segundo ela, projetou uma moeda na forma de seu mapa.