Bolsonaro é ‘metralhadora giratória disparando agressividade’, diz governador de BA

366

Mais novo alvo de Jair Bolsonaro, o governador da Bahia, Rui Costa (PT), classificou o presidente como uma “metralhadora giratória disparando agressividade”. Desde o fim de semana, Costa tem se posicionado contra declarações de Bolsonaro sobre a operação que matou o miliciano Adriano Magalhães da Nóbrega, no dia 9, no interior baiano.

Bolsonaro disse que “a polícia do PT” executou o ex-capitão do Bope, que já teve a mãe e a ex-mulher empregadas no gabinete de Flávio Bolsonaro quando o hoje senador era deputado estadual no Rio. Nóbrega também era um dos alvos da investigação sobre suposta prática de rachadinha no gabinete de Flávio.

O governador negou ter dado ordens antes da operação que resultou na morte de Nóbrega e disse que só soube dela depois. “Talvez seja um problema tão grave que ele (Bolsonaro) deve acordar, almoçar, jantar e dormir pensando 24 horas nisso. Só pode ser, porque ele está há quatro, cinco dias obcecado”, afirmou Costa. / Agência Estado