A área jurídica precisa estar alinhada com as novas tecnologias e skills (habilidades) necessárias para atuação no mercado. Os profissionais, em sua maioria, saem hoje de uma faculdade com todos os conhecimentos técnicos e específicos, porém, o mercado de trabalho exige muito mais: competências como por exemplo uma boa oratória, poder de negociação, liderança, assertividade, foco em produtividade, entre diversas outras. As habilidades técnicas são chamadas de hard/law skills e as comportamentais de soft skills, todas elas fundamentais para qualquer pessoa que deseja ter sucesso em qualquer área profissional.
Para conectar esses profissionais com empresas inovadoras que oferecem esses treinamentos, a startup The Legal Hub promove, no dia 25 de setembro, a 2ª edição do Legal Summit, evento que reúne empresas conectadas à inovação jurídica, palestrantes com mentes inovadoras e sessions que promovem o incentivo ao desenvolvimento de skills que estão sendo exigidas na área jurídica. Na primeira edição do evento, em março de 2019, cerca de 250 pessoas participaram para conhecer tendências e estar por dentro das inovações da área.
Para Luciano Taborda, idealizador do evento, será o momento da efervescência da área e de se discutir o que há de mais moderno e inovador no meio jurídico. “É a oportunidade que os profissionais, formadores de opinião e mentes inovadoras não só da área jurídica estarão disponíveis para trocarem experiências manterem a profissão à frente neste mercado em eterna mutação”, avalia.
“Nesta edição, teremos também uma novidade: os participantes que tiverem o interesse poderão participar de um concurso de vídeos. A proposta é trazer temas que tenham conexão com o mundo da inovação e da tecnologia. Uma curadoria especial analisará todos os materiais e os TOP 5 ganharão exposição na Sessão Plenária”, explica.

Durante o evento, das 17 às 19h, acontecerão as “Sessions”, Law (técnicas) e Soft (comportamentais) – apresentações ou “briefings” dos cursos ofertados pela Legal Hub – de 25 minutos com temas e profissionais variados, que abordarão assuntos inovadores e fundamentais para o profissional que pretende se destacar na área jurídica moderna.

As Soft Sessions serão abertas ao público, porém as Law Sessions precisarão de compra de ingresso especial. “Compliance Trabalhista”, “Legal Design”, “Oratória”, “Liderança no Futuro”, entre outros, são alguns dos temas a serem abordados. As Soft Sessions serão realizadas numa arena dentro de um espaço da feira de exposições e terão acesso às pessoas que adquirem o ingresso “village”. As Law Sessions estarão disponíveis para quem adquirir o ingresso Especial, que dará acesso a todo o evento.

Às 19 horas começam as Plenárias, com palestras que abordarão temas atuais e pertinentes ao novo mundo jurídico. Os palestrantes trarão sua visão inovadora sobre o futuro do Direito e como o profissional pode se reinventar. Além das palestras centrais, haverá um debate entre Alexandre Silva, gerente de Design e redes de Inovação do O Boticário e Adriana Glück Camargo, coordenadora da área de Compliance do EBANX sobre inovação nas empresas. Entre os temas apresentados na Plenárias, “Cenário jurídico atual”, “AB2WL – Lawtechs e Legaltechs, “Contraktor: inovar não é para os fracos”.

O Legal Summit terá também um espaço de feira, o Village Stands, aberto para visitação das 17 às 22h para exposição de empresas focadas em inovação e desenvolvimento de tecnologias para a área jurídica, com presença confirmada das empresas Oystr, SoftPlan, Law Vision e Legal Hub.

A próxima cidade a receber o Legal Summit será Florianópolis, nos dia 4 de outubro de 2019, das 9 às 18h.

SERVIÇO:
2ª edição – Legal Summit
Data – 25 de setembro
Local – Unicuritiba
Horário: Das 17 às 22h
Informações e inscrições: https://thelegalhub.com.br/legal-summit/