As regionais Cajuru e CIC ganharam dois novos ginásios públicos para a iniciação esportiva, treinamento de alto rendimento e para atividades recreativas e de lazer nos fins de semana. As estruturas têm capacidade para atender 4 mil pessoas por mês.

O prefeito Rafael Greca e o ministro do Esporte, Leandro Cruz, inauguraram, nesta sexta-feira (23/11), o Centro de Iniciação ao Esporte – Praça Olímpica do Cajuru, complexo esportivo Nelson Comel instalado no bairro Uberaba, e o Centro de Iniciação ao Esporte – Praça Olímpica da CIC.

O complexo do Uberba fica ao lado do Parque dos Peladeiros. Na Regional CIC, o ginásio fica na Rua Sebastião Ribeiro Batista, s/n, Praça da União, CIC. Nos dois espaços públicos a Secretaria do Esporte, Lazer e Juventude (Smelj) vai oferecer aulas gratuitas de iniciação e treinamento esportivo de futsal, basquete, vôlei, judô, esgrima, handebol, taekwondo, ginástica e aulas de ritmos.

Os dois centros esportivos foram construídos com recursos federais e contrapartida da Prefeitura de Curitiba. Os investimentos nas duas obras foram de R$ 9 milhões, sendo R$ 7,2 milhões de verbas federais e R$ 1,9 milhão de contrapartida do município.

Homenagem
No Cajuru, o nome do ginásio é uma homenagem ao jornalista Nelson Comel, um dos maiores incentivadores do esporte amador do Paraná. Comel foi o criador do Campeonato Paranaense de Futebol de Pelada, o Peladão, que durante 40 anos reuniu milhares de jogadores de futebol amador da cidade.

A esposa do jornalista, Leony Comel, e as filhas Cecília e Ana Paula Comel participaram da inauguração do complexo esportivo e da homenagem ao Nelson Comel, que faleceu em 2017.

Construção rápida
A construção dos complexos esportivos em junho de 2017. O projeto estava parado nos últimos anos e corria risco de perder recursos federais pela demora para ser iniciado.

Quando assumiu a Prefeitura, em janeiro de 2017, o prefeito Rafael Greca conseguiu fazer os projetos serem retomados e e em um ano e seis meses os dois novos ginásios foram entregues à população.

“Nós vamos transformar esse lugar num grande celeiro de multiplicação de talentos esportivos e olímpicos de Curitiba”, disse o prefeito Rafael Greca, ao inaugurar a unidade do Cajuru.

No local também serão feitos treinamentos de atletismo na pista de 100 metros, arremesso de peso e salto em distância. “Nós confiamos aos curitibinhas o cuidado com o prédio, nenhuma pichação, nenhum vandalismo. Ninguém pode quebrar o que é seu. Que os curitibinhas se tornem os campeões do Brasil”, afirmou Greca.

Aulão
Na manhã desta sexta-feira já foram feitas atividades no Nelson Comel. Um aulão de zumba movimentou os moradores da Regional Cajuru. O grupo de dança da Smelj que treina na Rua da Cidadania do Cajuru também se apresentou durante a inauguração do Centro de Iniciação ao Esporte – Praça Olímpica do Cajuru.

Segundo o ministro do Esporte, Leandro Cruz, Curitiba é uma das primeiras cidades do Brasil a contar com um Centro de Iniciação Esportiva. “Poucas prefeituras e poucos governos de estados conseguiram acabar em tão pouco tempo esse desafio que é entregar uma obra desse tamanho no Brasil”, disse Cruz.

“Curitiba ganha uma nova casa para a prática esportiva. Daqui sairão atletas que trarão muitas conquistas esportivas para Curitiba”, afirmou o secretário do Esporte, Lazer e Juventude, Emílio Trautwein.

“Bem legal”
Alguns atletas da equipe de desempenho de atletismo da Smelj já testaram a pista de atletismo do complexo esportivo. O atleta Hemerson Pereira Nardini, de 17 anos, mora no Cajuru e disse que irá aproveitar bastante a estrutura do Centro de Iniciação ao Esporte – Praça Olímpica do Cajuru.

“Achei bem legal a pista de atletismo. A estrutura aqui é muito boa. Vamos vir  treinar junto com as crianças que vão começar a iniciação esportiva”, disse Nardini. Ele compete nos 110 metros com barreiras. A equipe é apoiada pela Lei de Incentivo ao Esporte da Prefeitura e tem patrocínio da Caixa Econômica e do Provopar.

Durante a solenidade de inauguração, o prefeito Rafael Greca também assinou a ordem de serviço para a construção de uma pista de BMX (bicicross) no Parque Peladeiro. O valor da obra é de R$ 827 mil e o prazo para conclusão dos trabalhos é de oito meses.

O curitibano bicampeão mundial de BMX, Wellington Nelsen, também acompanhou a autorização para construção da nova pista. “Vai ser espetacular essa pista que vão construir aqui. Estamos com uma expectativa muito grande. Mais crianças vão conhecer e se motivar para praticar o esporte”, afirmou.