O Plenário do Senado aprovou nesta quarta-feira (5) a contratação de crédito externo no valor de até US$ 100 milhões entre o município de São Paulo e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O contrato terá garantia da União (PRS 60/2018). Os recursos se destinam ao financiamento parcial do projeto de reestruturação das redes assistenciais de São Paulo, dentro do programa Avança São Paulo, que tem ênfase em ações de promoção da saúde.

Ao defender a proposta, a senadora Marta Suplicy (MDB-SP) disse que o projeto cumpre todas as exigências e poderá contribuir para a melhoria da saúde da população de São Paulo. Segundo a senadora, parte dos recursos será destinada à compra de equipamentos para nove unidades básicas de saúde e 12 unidades de pronto atendimento (UPAs).

— Esse projeto vai fazer uma diferença muito grande no atendimento da atenção básica à saúde na cidade de São Paulo — declarou Marta.

O senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA) atuou como relator da proposta, que foi aprovada na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) na terça-feira (4) e agora segue para promulgação. Na CAE, o senador José Serra (PSDB-SP) agradeceu aos colegas a agilidade na aprovação da autorização do contrato. Segundo o senador, esses recursos serão direcionados para um dos problemas mais críticos de São Paulo, que é a área de saúde. Serra acrescentou que o município vem desenvolvendo boas práticas de saúde, mas ainda sofre com carência de recursos.

 

Fonte: www12.senado.leg.br