As autoridades da Califórnia divulgaram na quarta-feira, 14, os nomes de cerca de 100 pessoas das 228 que ainda estão desaparecidas – muitas delas com idades entre 80 e 90 anos -, em meio aos trabalhos de buscas de sobreviventes dos piores incêndios do Estado.

O número de mortos subiu ontem para 51 – 48 no norte do Estado e 3 no sul.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.