A Secretaria Municipal da Educação de Curitiba realiza, nos dias 31 de julho e 1º de agosto, a Semana de Estudos Pedagógicos (SEP), que na edição deste ano terá a inédita forma de feira.

“O objetivo é permitir maior interatividade entre os participantes, além de trazermos para o conceito da SEP a inovação que tanto trabalhamos dentro de nossas unidades educacionais”, explica a secretária municipal da Educação, Maria Sílvia Bacila.

“Os participantes terão a oportunidade de vivenciar temas do cotidiano e da gestão escolar, dentre muitos, mediados pelas tecnologias da informação e comunicação. Essas ações têm como objetivo a formação de nossos profissionais e permitem que essas experiências se traduzam em ações pedagógicas nas unidades educacionais”, adianta a secretária.

A programação inclui palestras, mini palestras, oficinas, vivências com materiais de apoio pedagógico, tecnológico, cultural e ações em parceria com órgãos que atuam ou que possuam trabalhos relacionados à educação. Os departamentos da Secretaria da Educação, como Obras, Logística, Recursos Descentralizados, entre outros, terão estandes para atender os participantes e mostrar o trabalho realizado no dia a dia e esclarecer possíveis dúvidas.

Temas
Os temas da SEP vão desde avaliação e qualidade na educação até os prejuízos causados pelo vandalismo nas unidades da rede.

As principais palestras serão sobre “Avaliação e Qualidade na Educação: limites, possibilidades e desafios” (Dilvo Ristoff), “Educando para boas escolas onloine: segurança e cidadania na intenet” (Rodrigo Nejm), “Por que ler e contar histórias” (Cleber Fabiano da Silva) e “Avaliação Mediadora: observação, reflexão e construção das práticas educativas” (Jussara Hoffmann).

A superintendente de Gestão Educacional, Elisângela Iargas Mantagute, destaca que a Expo Educação busca garantir aos servidores da área o aprofundamento de conhecimentos e o protagonismo dos profissionais na sua trajetória de formação continuada. “É um espaço ímpar para obter conhecimentos e compartilhar experiências. E nesta edição tudo foi preparado de maneira mais que especial, potencializando o evento”, frisa a superintendente.

Para conferir os detalhes da programação, acesse o site.

Para fazer inscrição, clique aqui.

Para participar das mini palestras não é necessário inscrição prévia.

Os assuntos incluem utilização de recursos descentralizados, o programa Cientistas na Escola, Conselho Municipal de Educação, Avaliação no Ensino da EJA, Criança no Século XXI, Tecnologia na Educação, Desenvolvimento Profissional, entre outros.

Veja a lista completa aqui.

 

Certificação
O servidor deverá participar de seis atividades para receber a certificação. Cada atividade dá direito a um selo. Já as palestras com duração de uma hora garantem dois selos.