16 medalhas para vinhos brasileiros

462

O Brasil conquistou 16 medalhas – uma gran oro, cinco de ouro e 10 de prata – no Concurso Internacional de Vinos y Espirituosos (Cinve) 2018 e as recebe na solenidade de premiação marcada para 13 de abril, no hotel Villamagna, em Madri. O concurso, realizado de 12 a 14 de fevereiro, no Complexo Cultural de São Francisco, na cidade de Cáceres, na Espanha, reuniu 705 amostras de 14 países.
O diretor da Associação Brasileira de Enologia (ABE), enólogo Marcos Gabbardo, que representou o Brasil no evento, destaca que, no Cinve foi possível avaliar, principalmente, vinhos da Península Ibérica, além de produtores do Novo e Velho Mundo. “Todas as avaliações foram realizadas às cegas por jurados internacionais, permitindo a valorização da diversidade e qualidade dos vinhos atuais”.
Quatro vinhos e 12 espumantes brasileiros foram contemplados pelo júri de 40 especialistas. Com a medalha Gran Oro (Gran Clive), o tinto Peterlongo Armando Memória Teroldego 2016 – Estabelecimento Vinícola Armando Peterlongo; com a de ouro: Aliança Espumante Moscatel 2017 – Cooperativa Agroindustrial Nova Aliança; Aurora Espumante Brut 2017 – Cooperativa Vinícola Aurora; Casa Valduga Gran Chardonnay D.O 2017 – Casa Valduga Vinhos Finos; Peterlongo Presence Espumante Moscatel – Estabelecimento Vinícola Armando Peterlongo; e Ponto Nero Celebration Espumante Moscatel – Domno do Brasil.
Mereceram a medalha de prata 10 rótulos: Aurora Espumante Moscatel Branco 2017 – Cooperativa Vinícola Aurora; Casa Valduga 130 Espumante Brut Blanc de Blanc – Casa Valduga Vinhos Finos; Casa Valduga 130 Espumante Brut Blanc de Noir – Casa Valduga Vinhos Finos; Casa Valduga Raízes Gran Corte 2013 – Casa Valduga Vinhos Finos; Garibaldi Espumante Moscatel 2017 – Cooperativa Vinícola Garibaldi; Marcus James Espumante Brut Branco 2017 – Cooperativa Vinícola Aurora; Peterlongo Armando Touriga Nacional 2016 – Estabelecimento Vinícola Armando Peterlongo; Peterlongo Presence Espumante Brut – Estabelecimento Vinícola Armando Peterlongo; Ponto Nero Espumante Brut – Domno do Brasil; e Ponto Nero Espumante Brut Rosé – Domno do Brasil.